Usina de Letras
Usina de Letras
                    
Usina de Letras
122 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 57062 )
Cartas ( 21170)
Contos (12612)
Cordel (10082)
Crônicas (22199)
Discursos (3134)
Ensaios - (9004)
Erótico (13395)
Frases (43653)
Humor (18457)
Infantil (3773)
Infanto Juvenil (2691)
Letras de Música (5470)
Peça de Teatro (1317)
Poesias (138249)
Redação (2924)
Roteiro de Filme ou Novela (1055)
Teses / Monologos (2401)
Textos Jurídicos (1925)
Textos Religiosos/Sermões (4855)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Cordel-->NESSE DIA ESPECIAL -- 23/03/2005 - 14:33 (Edmar Guedes Corrêa****) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
NESSE DIA ESPECIAL

Este cordel foi escrito para ser publicado no Dia Internacional da Mulher, todavia eu fiquei afastado da Usina de Letras por alguns dias e não houve com publicá-lo. Apesar do data já ter passado, resolvi publicá-lo mesmo assim.


Numa data assim tão especial
Em que todas as mulheres
Tem o seu Dia Internacional
É hora de pensar profundamente
Nas condições degradantes
Que vivem as mulheres
Em todos os continentes.

É preciso que algo seja feito
Para acabar com a extirpação,
Como se fosse um defeito
Ou a mais terrível aberração,
Do hímen das jovens africanas
Para que não sintam na cama
O puro deleite de uma relação.

É preciso que seja conscientizada,
A grande nação do oriente,
Para findar a morte premeditada
De meninas recém-nascidas
Por causa de uma lei machista
Que dá preferência ao nascimento
De crianças do sexo imponente.

É preciso que sejam respeitadas
As diferenças entre homem e mulher,
Pois é justamente nesse não ser igual,
Nessas pequenas discrepâncias
Que faz com que a mulher
Seja algo assim tão especial
E para nossa existência fundamental.

LEIA TAMBÉM:
AGORA EU QUERO VER
OS VAIDOSOS DA USINA
QUE ENRASCADA!
O POVO A MORRER DE FOME
O PUNHETEIRO ASSUMIDO
E NIEZSCHE TINHA RAZÃO
A INVASÃO IANQUE
DUELOS DE JUMENTOS
Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do Autor Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui