Usina de Letras
Usina de Letras
                    
Usina de Letras
124 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 57062 )
Cartas ( 21170)
Contos (12612)
Cordel (10082)
Crônicas (22199)
Discursos (3134)
Ensaios - (9004)
Erótico (13395)
Frases (43653)
Humor (18457)
Infantil (3773)
Infanto Juvenil (2691)
Letras de Música (5470)
Peça de Teatro (1317)
Poesias (138249)
Redação (2924)
Roteiro de Filme ou Novela (1055)
Teses / Monologos (2401)
Textos Jurídicos (1925)
Textos Religiosos/Sermões (4855)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Cordel-->O PUNHETEIRO ASSUMIDO -- 01/02/2004 - 19:23 (Edmar Guedes Corrêa****) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
O PUNHETEIRO ASSUMIDO

Você pode até achar engraçado,
Pode até me chamar de pirado;
Mas eu não me importo não!
Porque quando estou com tesão,
Nada me impede de encontrar
Uma maneira desse tesão acabar!

Não sou do tipo mulherengo,
E não sou cheio de dêngo;
Quando minha parceira não está
Corro para lá e para cá;
Mas se outra não vem a calhar
Eu me ponho mesmo a masturbar!

Não sou do tipo acanhado,
Nem venho com desconversado;
Vou logo na sinceridade
E digo toda a verdade
Que não tendo outra solução
Faço no banheiro masturbação!

Não sou punheteiro de carteirinha;
Pois só mesmo minha gatinha
Para me satisfazer totalmente.
Mas só uso desse expediente
Quando a situação fica difícil
E a punheta é a solução mais fácil!
Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do Autor Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui