Usina de Letras
Usina de Letras
                    
Usina de Letras
274 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 58164 )
Cartas ( 21211)
Contos (12859)
Cordel (10239)
Crônicas (22095)
Discursos (3147)
Ensaios - (9230)
Erótico (13453)
Frases (45313)
Humor (18941)
Infantil (4163)
Infanto Juvenil (3238)
Letras de Música (5507)
Peça de Teatro (1328)
Poesias (138726)
Redação (2997)
Roteiro de Filme ou Novela (1058)
Teses / Monologos (2418)
Textos Jurídicos (1934)
Textos Religiosos/Sermões (5254)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Infanto_Juvenil-->NO FINAL DO ARCO ÍRIS -- 13/07/2007 - 09:27 (SALETI HARTMANN) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
Número do Registro de Direito Autoral:131103327638685100
NO FINAL DO ARCO-ÍRIS

No final do arco-íris
Existe um mundo diferente
Que tu podes alcançar.
No final do arco-íris
Está o segredo
De uma vida mais feliz.
Neste mundo, proibiram
o sonho,
a fantasia;
Proibiram-nos de querer
As nuvens alcançar.
Também proibiram o desejo
De ter asas no coração,
A vontade de não só viver
Em preto-e-branco.
Roubaram também, a esperança
De um tempo e de um lugar
- onde a vida seja um sol
- onde o “outro” que cruza o nosso caminho,
não seja um estranho,
não seja um inimigo.
Sim, neste mundo
É quase proibido sonhar...
... E cada sonho que morre
( porque deixamos morrer )
num coração,
É substituído
Por três ou quatro
bombas
Explodindo no ar,
ferindo,
matando,
zombando.
Eles, que já não sonham,
Roubam os nossos sonhos
E espalham a morte e a dor.

Eles – os frios,
os vazios,
os indiferentes -
E então, nos transformam
Em robôs:
máquinas ambulantes,








consumidores insatisfeitos;
Seres entorpecidos e inúteis.

MAS...
Lembra-te:
No final do arco-íris
Existe um mundo diferente
DO QUAL NÃO DEVES DESISTIR!
Sonha e busca sempre.
Não deixa que te roubem
a vontade
a alegria
De VIVER!
Vê:
No final do arco-íris
Está a tua felicidade.
E tu podes conquistá-la
Sem a droga que te mata,
Sem o ódio que a tudo destrói.
Não podes impedir a continuação
Das bombas e da violência;
Mas podes – e deves – impedir
Que contaminem teu pensamento
e teu coração.
Sonha o teu sonho de amor;
Realiza o teu mundo de paz.
Luta pelo teu lugar ao sol.
Pois
Um jovem igual a ti
Está morrendo, neste momento
E outro jovem está matando...
Porque o sonho foi substituído pela bomba,
Porque o ideal foi substituído pela ambição.
Não sejas tu este jovem
Que morre e que mata
- porque já está morto no seu coração.
Sê tu aquele jovem
Que jamais desiste de buscar
O mundo diferente que existe
No final do arco-íris.
Este mundo de paz está
NO AMOR UNIVERSAL.

Saleti Hartmann


Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do Autor Seguidores: 5Exibido 1338 vezesFale com o autor