Usina de Letras
Usina de Letras
                    
Usina de Letras
25 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 57782 )
Cartas ( 21194)
Contos (12705)
Cordel (10211)
Crônicas (22324)
Discursos (3143)
Ensaios - (9129)
Erótico (13429)
Frases (44605)
Humor (18715)
Infantil (3977)
Infanto Juvenil (2918)
Letras de Música (5483)
Peça de Teatro (1321)
Poesias (138431)
Redação (2958)
Roteiro de Filme ou Novela (1056)
Teses / Monologos (2413)
Textos Jurídicos (1931)
Textos Religiosos/Sermões (5050)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Poesias-->MORTE SEM NINGUÉM -- 21/04/2020 - 14:54 (SALETI HARTMANN) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos

Poema em tempo de Corona Vírus


Morri pelo vírus...
em qualquer parte deste Mundo.

Morri sem ninguém...
Sem ninguém para se despedir de mim...
Sem ninguém para rezar por mim.

Se puder, lembre de nós,
Enquanto o vírus não te alcançar.

Cante uma canção de ninar,
Cante uma canção de Amor.
Reze uma Oração de Paz
para o meu - o teu - Coração.

Morri sem ninguém.

Amanhã, pode ser você.
Reze uma Oração pela Paz do meu Coração.
Pela PAZ dentro de você...
Reze...

Saleti Hartmann
Professora e Poeta
Cândido Godói-RS

Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do Autor Seguidores: 5Exibido 14 vezesFale com o autor