Usina de Letras
Usina de Letras
                    
Usina de Letras
111 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 57264 )
Cartas ( 21179)
Contos (12594)
Cordel (10122)
Crônicas (22215)
Discursos (3138)
Ensaios - (9040)
Erótico (13409)
Frases (44004)
Humor (18555)
Infantil (3825)
Infanto Juvenil (2773)
Letras de Música (5474)
Peça de Teatro (1319)
Poesias (138438)
Redação (2934)
Roteiro de Filme ou Novela (1055)
Teses / Monologos (2403)
Textos Jurídicos (1925)
Textos Religiosos/Sermões (4933)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Cordel-->E A BOLHA ESTOUROU -- 31/10/2008 - 22:45 (Edmar Guedes Corrêa****) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
E A BOLHA ESTOUROU

Depois de tanta especulação
Com um dinheiro que não existia
Os investidores quem diria
Ficaram em má situação
Com a bolsa caindo todo dia

A bolha estourou
E o dinheiro evaporou
Da noite para o dia
E não se sabe onde vai parar
Essa tal desvalorização

O desespero tomou conta
Do mercado financeiro
Pois não há dinheiro
Para pagar o prejuízo
Dessa falta de juízo

E o dólar não para de subir
E as reservas de caírem
Enquanto a população
Que nada tem com isso
Ficam no prejuízo.

E qual será o tamanho da conta
Que vamos ter de pagar
Para o sistema não quebrar?
Pois é sempre assim
O povo é quem se ferra no fim.




LEIA TAMBÉM:
AS RUAS NÃO SÃO MAIS PÚBLICAS
O FANTASMA DA INFLAÇÃO
SONHOS DESFEITOS
VADIA
QUE EM 2007 FINALMENTE
NÃO ENVERGONHE MAIS A NAÇÃO
DESEJO DE MUDANÇA
MAIS UM ANO DO "ÃO"
USURPANDO UM MENSALÃO
E ENTÃO PRESIDENTE?
SAUDADES DA VELHA USINA
O PT E O MENSALÃO
A MAIOR DECEPÇÃO
NESSE DIA ESPECIAL
Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do Autor Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui