Usina de Letras
Usina de Letras
80 usuários online

Autor Titulo Nos textos

 

Artigos ( 62141 )

Cartas ( 21334)

Contos (13260)

Cordel (10447)

Cronicas (22529)

Discursos (3238)

Ensaios - (10337)

Erótico (13566)

Frases (50548)

Humor (20020)

Infantil (5415)

Infanto Juvenil (4749)

Letras de Música (5465)

Peça de Teatro (1376)

Poesias (140779)

Redação (3301)

Roteiro de Filme ou Novela (1062)

Teses / Monologos (2435)

Textos Jurídicos (1958)

Textos Religiosos/Sermões (6172)

LEGENDAS

( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )

( ! )- Texto com Comentários

 

Nota Legal

Fale Conosco

 



Aguarde carregando ...
Poesias-->TOM -- 31/01/2000 - 20:35 (antonio temoteo dos anjos sobrinho) Siga o Autor Destaque este autor Envie Outros Textos
TOM








Hoje feliz, vou receber meu neto.


Já tarde, é branda a luz. Tudo está quieto


nesta ala do hospital.


Lá na ante-sala, tensa, há um borborinho,


porque no corredor passou um carrinho


e um moço de avental.





Rebate falso. A espera sempre ansiosa,


é sempre longa, pouco generosa


e me dá calafrio.


Porém me encontro co’a esperança infinda,


de graça cheia, de semblante, linda


e acato o desafio.





Assim ombreado, ao lado da esperança,


me dei co’a calma, co’a perseverança


em tempo de ilusão


e me ocultei das penas, nos espinhos,


me aconcheguei nos sonhos passarinhos,


com dor no coração.





Bem sei que o parto se aproxima, acorda,


referve em dores e com a dor transborda


em sangue a se fartar.


Porque da entranha de mi’ha filha, assente,


pulula nova vida incontinente


e quer se libertar.





Então da cirurgia se abre a porta.


Viça a enfermeira em graça e nos transporta


à emoção de sua voz.


Descreve o parto, o esforço, a luta enorme,


a garra do bebê que agora dorme


a paz de todos nós.





E Tom chegou, nasceu, até que enfim,


de lá dos céus ele chegou p’ra mim,


do ventre, no calor.


Trouxe das plagas quentes paz e brilho,


nos fez a todos pais, de todos filho


e trouxe muito amor.


Comentarios
O que você achou deste texto?     Nome:     Mail:    
Comente: 
Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui