Usina de Letras
Usina de Letras
                    
Usina de Letras
186 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 58444 )
Cartas ( 21217)
Contos (12940)
Cordel (10248)
Crônicas (22144)
Discursos (3154)
Ensaios - (9303)
Erótico (13459)
Frases (45636)
Humor (19032)
Infantil (4261)
Infanto Juvenil (3391)
Letras de Música (5457)
Peça de Teatro (1331)
Poesias (137836)
Redação (3023)
Roteiro de Filme ou Novela (1059)
Teses / Monologos (2418)
Textos Jurídicos (1938)
Textos Religiosos/Sermões (5334)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Cordel-->TJN - 011 = Enquanto "isto" não mudar -- 02/03/2007 - 21:02 (TERTÚLIA JN) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
.
ENQUANTO "ISTO" NÃO MUDAR.


Casos que dão em descaso
desde sempre se consabe
que depende só do prazo
em que cada caso cabe
por mais que a igualdade
da lusa Constituição
proclame a condição
dos cidadães sem reserva
tudo se resume à verba
que uns têm e outros não.

Em breve apreciação
ao nefando ímpio caso
não existe explicação
prós cinco-anos de atraso
que o processo no ocaso
entre escutas aos milhões
revela que as certidões
do poder judicial
certificam afinal
a justiça de aldrabões.

Às doutas confirmações
para ninguém duvidar
surgem as maquinações
de um caso pra gagalhar
e ao sério até jogar
para ver quem ri primeiro
entre o ramo de loureiro
e os salgadinhos da costa
que o povo tanto gosta
mesmo à rasca e sem dinheiro.

Se era falso ou verdadeiro
a polícia inspectora
fez conduzir ao galheiro
os maraus e sobre a hora
inspirada como outrora
ao processo inopinado
chamou-lhe "Apito Dourado",
instrumento de apitar
mas a justiça ao soprar
sentiu que estava furado.

Para verificar o estado
e a qualidade do ouro
uma lenda com morgado
tomou conta do tesouro
levando à tromba do touro
uma vaca que sabia
assobiar à profia
defronte a qualquer apito
pra balir o conflito
das touradas que fazia.

Eis dois casos com valia,
em concorrência leal
no concerto da harmonia,
algo sem par, sem igual
pra honra de Portugal.
que até vai debelar
a crise e enfim encontrar
uma máquina na Europa
que lava-e-seca a suja-roupa,
engoma e volta a sujar.

Enquanto "isto" não mudar!...

António Torre da Guia
Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do Autor Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui