Usina de Letras
Usina de Letras
73 usuários online

Autor Titulo Nos textos

 

Artigos ( 62141 )

Cartas ( 21334)

Contos (13260)

Cordel (10447)

Cronicas (22529)

Discursos (3238)

Ensaios - (10337)

Erótico (13566)

Frases (50548)

Humor (20020)

Infantil (5415)

Infanto Juvenil (4749)

Letras de Música (5465)

Peça de Teatro (1376)

Poesias (140779)

Redação (3301)

Roteiro de Filme ou Novela (1062)

Teses / Monologos (2435)

Textos Jurídicos (1958)

Textos Religiosos/Sermões (6172)

LEGENDAS

( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )

( ! )- Texto com Comentários

 

Nota Legal

Fale Conosco

 



Aguarde carregando ...
Poesias-->OS SEUS CAMINHOS -- 31/01/2000 - 20:07 (antonio temoteo dos anjos sobrinho) Siga o Autor Destaque este autor Envie Outros Textos
OS SEUS CAMINHOS








Cata o pedacinho, cata a migalha,


transporta, leva, eleva, coze e trança,


concebe o ninho, configura a malha,


e deita sobre os ovos e descansa.





Em pouco o canto do pequeno, gralha.;


evola o pai e a mãe na contradança


e voa o passarinho para outra galha


tão logo alceia vôo em segurança.





É assim também co’a filha e o filho amado,


tão acolhida, tão agasalhado,


sob o aconchego dos lençóis branquinhos,





mas quando ganham corpo e identidade


buscam ternura, choram de saudade e


seguem induvidosos seus caminhos.


Comentarios
O que você achou deste texto?     Nome:     Mail:    
Comente: 
Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui