Usina de Letras
                                                                         
Usina de Letras
237 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 

Artigos ( 59012 )

Cartas ( 21232)

Contos (13078)

Cordel (10287)

Crônicas (22188)

Discursos (3163)

Ensaios - (9397)

Erótico (13483)

Frases (46347)

Humor (19241)

Infantil (4418)

Infanto Juvenil (3659)

Letras de Música (5476)

Peça de Teatro (1335)

Poesias (138114)

Redação (3046)

Roteiro de Filme ou Novela (1060)

Teses / Monologos (2425)

Textos Jurídicos (1941)

Textos Religiosos/Sermões (5486)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Cordel-->SOMBRA E ÁGUA FRESCA -- 16/12/2006 - 17:07 (Andarilho) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
Número do Registro de Direito Autoral:131438349396960600


SOMBRA E ÁGUA FRESCA
Silva Filho


No país das maravilhas
Todos vivem na fartura
Na sombra da sinecura
Ócio contado em milhas;
Existem muitas cartilhas
Pra malandro aprender
Como fortuna fazer
Tudo à custa de otários
Pois são os acionários
Do que se chama PODER.

Vinte e quatro mil reais
Vem a ser a bagatela
Que surgiu à luz de vela
Entre shows e musicais;
Nossos Senhores Feudais
Em causa própria falaram
Sua renda duplicaram
Em questão de uma hora
E o eco, Brasil afora
Os jornais trombetearam.

É o nosso Parlamento
Zombeteando do Povo
Povo que come só ovo
Se couber no orçamento;
Barriga cheia de vento
Assim jaz o brasileiro
Que gasta tanto dinheiro
Com tributos escorchantes
E os benefícios distantes
Vão ficando no palheiro.

O que fazem os doutores
Pela distribuição de renda
Pelos que vivem em tenda
Que se chamam eleitores;
Ambulantes / catadores
Ou em qualquer profissão
Cadê a Educação
E a Segurança nas ruas
Já se foram muitas luas
Sem deixar o seu clarão.

SAÚDE na emergência
Já em fase terminal
Morre qualquer hospital
Por conta da indigência;
As verbas em contingência
Sem uma só reação
De quem fez na eleição
Um palanque estrelado
Prometendo resultado
Pra curar o cidadão.

Um Congresso competente
Para aumentar impostos
Parlamentares dispostos
Têm votação consistente;
Uma casa conivente
Com qualquer maracutaia
Pizza fresca na gandaia
E o Povo sempre ferrado
No seu curral, como gado
Nunca passa de cobaia.

/aasf/



Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do Autor Seguidores: 1Exibido 629 vezesFale com o autor