Usina de Letras
                                                                         
Usina de Letras
181 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 

Artigos ( 59111 )

Cartas ( 21236)

Contos (13108)

Cordel (10292)

Crônicas (22195)

Discursos (3164)

Ensaios - (9435)

Erótico (13481)

Frases (46498)

Humor (19274)

Infantil (4456)

Infanto Juvenil (3718)

Letras de Música (5478)

Peça de Teatro (1337)

Poesias (138219)

Redação (3052)

Roteiro de Filme ou Novela (1060)

Teses / Monologos (2427)

Textos Jurídicos (1945)

Textos Religiosos/Sermões (5520)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Poesias-->Minha saudade está dormindo -- 24/07/2004 - 21:38 (fernanda araújo) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
. Minha saudade está dormindo

Osmar Barbosa



Silêncio, coração!

Minha saudade está dormindo...



Minha saudade está dormindo

depois de tanto divagar

por longas vias cansativas,

por longo tempo, sem parar.



Minha saudade agora sonha

com minha infância à beira-mar,

com meus folguedos prediletos,

com as doces coisas de meu lar.



Sonha com minha adolescência,

com minha vida de escolar,

com a primeira namorada

das lindas noites de luar.



Silêncio, coração!

Minha saudade está dormindo...



Minha saudade está dormindo,

entregue a manso ressonar,

Que fique assim, serenamente.;

ela não pode despertar.



Sonha com minhas aventuras,

com meu constante doidejar.

Não venha, pois, abrir, meus olhos

para o que sempre os quis fechar.



Por ilusões ei-la embalada,

canções ouvindo a palpitar,

revendo as horas mais felizes

que nunca mais hão de voltar.



Agora não, coração!



Acorda-a mais adiante

para que minha alma errante

não se queixe e nem padeça.

Coração cheio de rimas,

sino da fatalidade,

acorda a minha saudade

quando a geada dos anos

cobrir a minha cabeça.



(E há tanto sonho a florir...)



Silêncio, meu coração!

Deixa a saudade dormir.





Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui