Usina de Letras
Usina de Letras
                    
Usina de Letras
97 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 57092 )
Cartas ( 21170)
Contos (12605)
Cordel (10090)
Crônicas (22211)
Discursos (3136)
Ensaios - (9014)
Erótico (13401)
Frases (43740)
Humor (18476)
Infantil (3788)
Infanto Juvenil (2712)
Letras de Música (5470)
Peça de Teatro (1317)
Poesias (138303)
Redação (2926)
Roteiro de Filme ou Novela (1055)
Teses / Monologos (2401)
Textos Jurídicos (1925)
Textos Religiosos/Sermões (4886)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Poesias-->Não Sabemos o que Veremos -- 04/07/2004 - 19:04 (Marcelo de Oliveira Souza,IWA Instagram:marceloescritor) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
Nascemos,

Não sabemos o que veremos

Ao vivermos,

Lutamos, nos desgastamos,

nos afobamos, preocupamos,

nos destruímos e sentimos

Odiamos, amamos, passamos.



Mas toda luta é contra nós mesmos

Porque de onde saímos

Retornamos.

De uma forma cíclica

Para trabalharmos

e suarmos

Sendo remunerados,

uma inter-relação

que agride-nos, ofende-nos

ajuda-nos,maltrata-nos.



* A nossa vida é tão preciosa e curta, que temos de valorizá-la, respeitá-la, tratando os outros com o máximo de cordialidade, pois o ser humano é sempre igual, todos nós queremos coisas boas, a paz e o bem próprio, por que tanta aflição, por que tanta agrura no nosso caminho, se o nosso fim é certo?



Marcelo de Oliveira Souza

marceloosouzasom@hotmail.com

Tel 71*91253586
Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do Autor Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui