Usina de Letras
Usina de Letras
27 usuários online

Autor Titulo Nos textos

 

Artigos ( 61949 )

Cartas ( 21333)

Contos (13252)

Cordel (10444)

Cronicas (22529)

Discursos (3235)

Ensaios - (10254)

Erótico (13559)

Frases (50353)

Humor (19993)

Infantil (5387)

Infanto Juvenil (4724)

Letras de Música (5465)

Peça de Teatro (1375)

Poesias (140710)

Redação (3290)

Roteiro de Filme ou Novela (1062)

Teses / Monologos (2435)

Textos Jurídicos (1956)

Textos Religiosos/Sermões (6141)

LEGENDAS

( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )

( ! )- Texto com Comentários

 

Nota Legal

Fale Conosco

 



Aguarde carregando ...
Poesias-->O ser-bicho -- 07/06/2004 - 10:06 (Alexandre Buono) Siga o Autor Destaque este autor Envie Outros Textos
As asas lhe permitem voar.

Garras amarram e trincam,

suas presas, que em inútil esforço,

tentam, lutam, em vão escapar.



As mandíbulas são fortes.

Granidos ecoam ao vento,

enunciando sua chegada,

sua dor, como o som da morte.



Seu corpo esguio é letal.

Espinhos lhe cobrem,

venenosos, numerosos,

cada toque, uma vida e seu final.



O ser-bicho sobrevive,

segue apenas a sua trajetória,

de ser humano racional.

Comentarios
O que você achou deste texto?     Nome:     Mail:    
Comente: 
Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui