Usina de Letras
Usina de Letras
                    
Usina de Letras
130 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 57784 )
Cartas ( 21194)
Contos (12696)
Cordel (10211)
Crônicas (22323)
Discursos (3143)
Ensaios - (9130)
Erótico (13429)
Frases (44611)
Humor (18715)
Infantil (3977)
Infanto Juvenil (2918)
Letras de Música (5483)
Peça de Teatro (1321)
Poesias (138434)
Redação (2958)
Roteiro de Filme ou Novela (1056)
Teses / Monologos (2413)
Textos Jurídicos (1931)
Textos Religiosos/Sermões (5051)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Cordel-->ASSISTA AO 5º DESAFIO DE CANTADORES -- 30/05/2005 - 17:44 (José de Sousa Dantas) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
ASSISTA AO 5º DESAFIO DE CANTADORES

ASSISTA AO 5º DESAFIO DE CANTADORES pela rádio AM 780 KHZ ou pela internet, a partir das 20:00 horas, nos dias 03/jun/2005 (6ª-feira), 04/jun/2005 (sábado) e 07/jun/2005 (3ª-feira), acessando www.radiojornal.com.br, clique na seta que indica o play (aguarde um instante a conexão e mantenha a ligação), e ouça ao vivo os versos desenvolvidos de improviso pelas duplas de repentistas concorrentes:
Ivanildo Vila Nova/Raimundo Caetano, Os Nonatos, Sebastião Dias/João Paraibano,
Severino Feitosa/José Cardoso, Fenelon Dantas/Zé Viola, Rogério Menezes/Enevaldo Hipólito, Louro Branco/Edvaldo Zuzu.
Além das atrações especiais: emboladores e declamadores.
Apresentador: poeta animador Felizardo Nunes Moura.

O 5º Desafio de Cantadores foi iniciado no dia 29 de abril/2005, em cidades de Pernambuco, inclusive Recife.
Já foram realizados 9 eventos, prosseguindo mais três, sendo o 10º em São Paulo (Praça da Sé, dia 3/06/2005, sexta-feira), o 11º no Rio de Janeiro (Tradições nordestinas Luiz Gonzaga, dia 04/06/2005, sábado) e o 12º (Final) em Brasília – DF (Na Casa do Cantador, em Ceilândia, dia 07/06/2005, terça-feira).
Nesses eventos, os repentistas já desenvolveram de improviso, dentre outros temas, os seguintes;
1)Os famosos com problemas;
2)Se eu pudesse;
3)Ainda vejo;
4)Se eu dominasse o mundo;
5)Se eu encontrasse com ela;
6)Quando a lua sair eu vou roubar a mulher que roubou meu coração;
7)Ninguém faz 5 por cento do que DEUS manda fazer;
8)Um castelo de paz é construído com coragem, amor e poesia;
9) O planeta movido a internet é escravo da tecnologia;
10) Nenhum templo estremece a fortaleza de quem vive nas graças do Senhor;
11) Apesar de morar na capital, não esqueço o lugar que fui criado;
12) Foi assim que meu pai me ensinou e é assim que serei até morrer;
13) Foi Roberto Marinho o fundador do império da comunicação;
14) Sepultura é a única residência que não cobra aluguel ao morador;
15) Pra quem sente o poder do Criador não tem nada maior que a natureza;
16) No metrô do presente eu vou puxando um vagão de saudade do passado;
17) DEUS me ensina a ser bom de coração e eu aprendo a ser ruim não ser por que
18) Sou mais um retirante sem destino, que só leva o sapato na bagagem
19) O nordeste é rico em tudo;
20) Se eu fosse DEUS por um dia;
21) Etc.

Outros temas inéditos deverão ser sorteados e desenvolvidos de improviso, pelos repentistas acima mencionados, nos próximos eventos em São Paulo, Rio de Janeiro e Brasília, conforme programação acima.


Em São Paulo e Rio de Janeiro os repentistas desenvolveram de improviso os seguintes temas:

.O caboclo do sertão,
·O remédio é esquecer,
·Ninguém consegue esquecer,
·Todo mundo tem saudade,
·O que falta pra o nordeste,
·Vou voltar pra minha terra,
·O planeta das crianças,
·A DEUS eu peço perdão,
·Eu queria ver o mundo,
·Quero o País desse jeito,
·Aqui também tem nordeste,
·Eu sou feliz porque canto,
·Um casal que não dá certo,
·Eu preciso ver primeiro pra poder acreditar
·Fiz do choro das cordas da viola meu maior ganha-pão de cada dia,
·Se tiver por aqui um nordestino, vai chorar com saudade do sertão,
·Se o patrão recebesse igual a mim só vivia brigando por aumento,
·Não existe Poeta igual a mim e nem grande igualmente o Salvador,
·Se houvesse justiça social, nossa história seria diferente,
·A Europa nos fez de sub-raça e a América do Norte escravizou,
·Eu vim dar um abraço nordestino na estátua do Cristo Redentor,
·Eu agora voltei arrependido sem saber se ela vai me perdoar,
·Ninguém acha um defeito pra botar no cenário do Pai da Criação,
·Tem um grupo cigano aventureiro à procura da terra prometida,
·O idoso precisa de respeito, não merece ser tão discriminado,
·No começo eu fazia cantoria com o claro da luz do candeeiro,
·Não há seca que acabe o oceano, nem dilúvio que apague o nosso amor,
·Todo bem que eu pratico é preparando o caminho da casa do Senhor,
·Entre todas batalhas que travei, só na guerra do amor fui derrotado.

Na grande final em Brasília-DF, na 3ª-feira, dia 7/6/2005, a partir das 20:00 horas, foram desenvolvidos os seguintes temas:

·Ninguém sabe do meu tanto;
·Eu venho daquela terra;
·No reino da natureza;
·Como passei minha infância;
·A terceira idade;
·Vai ser difícil encontrar;
·Vou mostrar em Brasília como faz quem defende a cultura nordestina;
·Quem levar minha sogra de presente ganhará atestado de loucura;
.Quando um dia encontrar o Criador tenho coisas demais pra perguntar;
·Eu preciso lhe dar uma lição pra você aprender me respeitar;
·A princesa virou uma serpente e hoje eu vivo um inferno conjugal;
·A velhice é um débito que a idade pode até prorrogar, mas não dispensa;
·Pernambuco promete e a gente faz a história da nossa cantoria.

Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do Autor Seguidores: 69Exibido 3137 vezesFale com o autor