Usina de Letras
                                                                         
Usina de Letras
51 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 

Artigos ( 59012 )

Cartas ( 21232)

Contos (13078)

Cordel (10287)

Crônicas (22188)

Discursos (3163)

Ensaios - (9397)

Erótico (13483)

Frases (46347)

Humor (19241)

Infantil (4418)

Infanto Juvenil (3659)

Letras de Música (5476)

Peça de Teatro (1335)

Poesias (138114)

Redação (3046)

Roteiro de Filme ou Novela (1060)

Teses / Monologos (2425)

Textos Jurídicos (1941)

Textos Religiosos/Sermões (5486)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Cordel-->MERGULHANDO NAS ORIGENS -- 29/04/2005 - 08:08 (Andarilho) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
Número do Registro de Direito Autoral:131151909844485300

MERGULHANDO NAS ORIGENS
Silva Filho



A verdade é que o Cordel
Nasceu em pleno Sertão
Moldado por rudes mãos
Entre a secura e o céu.
Quando a poeira e o tropel
Brindavam a nova aurora
Os tropeiros, com esporas
Tilintavam dando o tom
Dalgum cordel, cujo som
Chorava a falta da flora.

Chorava também ausência
Da água para o jumento
E a escassez do sustento
Para tantas descendências.
Enquanto as Excelências
[Aqueles sábios doutores]
No papel de benfeitores
Desdenhavam do Sertão,
E o Cordel, em confusão
Inda lhes dava louvores.

O Cordel não tinha regras
Senão das rimas sonoras
Linhas singelas, canoras
Que o Brasil chamava brega.
Mas a cultura refrega
Marcando logo um cruzeiro
Por onde bons estrangeiros,
Gente que tem competência
Viu no Cordel a essência
Do que tem o brasileiro.

Hoje o Cordel é notícia,
É de interesse notório
Já não sendo tão simplório
Perde a essência e malícia.
E há quem queira perícia
Pra conferir sua métrica
Numa investida patética
Contra o poeta brejeiro
Que fez verso sem tinteiro,
Sem borrão, sem cibernética.

aasf.



Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do Autor Seguidores: 1Exibido 798 vezesFale com o autor