Usina de Letras
                                                                         
Usina de Letras
205 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 

Artigos ( 59012 )

Cartas ( 21232)

Contos (13078)

Cordel (10287)

Crônicas (22188)

Discursos (3163)

Ensaios - (9397)

Erótico (13483)

Frases (46347)

Humor (19241)

Infantil (4418)

Infanto Juvenil (3659)

Letras de Música (5476)

Peça de Teatro (1335)

Poesias (138114)

Redação (3046)

Roteiro de Filme ou Novela (1060)

Teses / Monologos (2425)

Textos Jurídicos (1941)

Textos Religiosos/Sermões (5486)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Cordel-->NA TRADIÇÃO DO CORDEL -- 18/04/2005 - 11:25 (Andarilho) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
Número do Registro de Direito Autoral:131151909701009600

NA TRADIÇÃO DO CORDEL
Silva Filho


O Cordel pede passagem
Pede mais moderação
Pede versos em jargão
Consoante sua imagem;
Pede simples abordagem
Desprovida de afronta
E que nunca desaponta
Quem gosta do que é bom
Na tradição do seu tom
Que o tempo não desmonta.

O cordel é instrumento
Que relata os costumes
Sem valer-se de tapumes
Sem qualquer enleamento;
Sem causar constrangimento
Ao leitor qualificado
Que se vendo enganado
Dá as costas ao cordel
Sem fazer um escarcéu
E sem deixar algum recado.

O cordel fala da vida
De sexo, gozos, encantos
Desejos, paixões e prantos
E dos problemas da lida;
Mas não pode dar guarida
A um triste despautério
Que vem como impropério
Na linguagem agressiva
Com a verve depressiva
E um verso deletério.

Então - viva o Cordel!
Na tradição do sertão
Na mais simples expressão
Pra cumprir o seu papel;
Um cordel nunca revel
Um cordel cheio de graça
Sem desfeita ou pirraça
Com perfil universal
Sem a linguagem brutal
Que definha e embaça.

aasf


Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do Autor Seguidores: 1Exibido 941 vezesFale com o autor