Usina de Letras
Usina de Letras
                    
Usina de Letras
87 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 57095 )
Cartas ( 21170)
Contos (12595)
Cordel (10090)
Crônicas (22210)
Discursos (3136)
Ensaios - (9014)
Erótico (13401)
Frases (43742)
Humor (18481)
Infantil (3788)
Infanto Juvenil (2712)
Letras de Música (5470)
Peça de Teatro (1317)
Poesias (138305)
Redação (2926)
Roteiro de Filme ou Novela (1055)
Teses / Monologos (2401)
Textos Jurídicos (1925)
Textos Religiosos/Sermões (4887)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Poesias-->CARÍCIAS DA BRISA -- 04/10/2000 - 00:13 (João Ferreira) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos




CARÍCIAS DA BRISA





Jan Muá

4 de outubro de 2000







Eu sei que a brisa que me acaricia o rosto acariciará o teu também

Que a luz da manhã que me alumia os olhos alumiará os teus também

Que o sol que me desenha as coisas as desenhará deslumbrantes para ti também



E que nossos rostos ficarão radiantes

E nossos olhos amigos, ternos, doces e amantes



Eu sei que as horas que nos foram doadas

Serão marcadas por ponteiros de ouro

Que arrastarão em seu tic-tac

Os suspiros do tempo deflagrados em nossa emoção



Eu sei que na curva do poente

Um grande abraço de saudade nos cingirá

E que o mocho da noite piará de nostalgia

Sensibilizando as sombras da lua



E que em horas mais tardias

Novas mensagens tecladas sairão de nosso hall iluminado

E, vivas, te levarão o desejar do tempo apetecido!







Jan Muá

4 de outubro de 2000
Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do Autor Seguidores: 74Exibido 765 vezesFale com o autor