Usina de Letras
Usina de Letras
                    
Usina de Letras
85 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 57502 )
Cartas ( 21184)
Contos (12607)
Cordel (10175)
Crônicas (22280)
Discursos (3141)
Ensaios - (9088)
Erótico (13415)
Frases (44274)
Humor (18616)
Infantil (3901)
Infanto Juvenil (2847)
Letras de Música (5479)
Peça de Teatro (1320)
Poesias (138230)
Redação (2946)
Roteiro de Filme ou Novela (1056)
Teses / Monologos (2411)
Textos Jurídicos (1926)
Textos Religiosos/Sermões (4980)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Artigos-->A eutanásia e suas nuances sob o ponto de vista Bidiônico -- 07/06/2019 - 10:00 (Padre Bidião) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos

A eutanásia e suas nuances sob o ponto de vista da filosofia Bidiônica

Não há como negar que o homem tem a capacidade de decisão e de suas próprias escolhas. Não há como negar que o homem é superior a diversas espécies animais por conta de saber discernir o certo do errado, o feio do bonito, a noção de perigo e saber dele se refugiar. Talvez, seja por esse certo domínio que o homem se julgue ao direito de viver a vida a eutanasiar a esperança e os sonhos do seu próximo. A eutanásia, no sentido restrito, seria abreviar o sofrimento de um doente terminal. Até aí, tudo bem. Embora, em muitos países não seja permitido (como no Brasil). Mas essa é uma questão meramente jurídica de enfrentamento de discussões das ordenações jurídicas no qual, não compete aqui a discussão. O que preocupa são as nuances que ela assume que de tão sutis, passam desapercebidas pela maioria. O aspecto social, econômico, cultural, racial impõe um comportamento de discriminação injusta e anti democrática. Então, devemos estar atentos para não sermos induzidos a eutanasiar e sermos atores de uma peça em que os algozes sobrepõem seus desejos iníquos e exalte a prepotência sobre àqueles que mais necessitam de ações diárias práticas e objetivas de respeito ao cidadão comum. 

Padre Bidião 

Marcos Alexandre Martins Palmeira 

Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do Autor Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui