Usina de Letras
Usina de Letras
                    
Usina de Letras
97 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 57535 )
Cartas ( 21185)
Contos (12631)
Cordel (10185)
Crônicas (22291)
Discursos (3141)
Ensaios - (9093)
Erótico (13416)
Frases (44315)
Humor (18629)
Infantil (3912)
Infanto Juvenil (2858)
Letras de Música (5479)
Peça de Teatro (1320)
Poesias (138263)
Redação (2948)
Roteiro de Filme ou Novela (1056)
Teses / Monologos (2412)
Textos Jurídicos (1926)
Textos Religiosos/Sermões (4990)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Artigos-->Carta profética Bidiônica -- 13/04/2019 - 08:42 (Padre Bidião) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos

Carta profética Bidiônica 

Vivo um dia de cada vez e meu ceticismo sobre muitos assuntos anda avolumando na minha contabilidade mental. Algumas décadas, tinha um enorme sonho e esperança em concretizar algo em benefício coletivo. Passei toda a minha infância e juventude apenas desfrutando das benesses que essas fases da vida humana propicia a todos. Aos poucos, observei que existe no brasileiro, um embotamento mental intencionalmente provocado e desenvolvido ao longo de décadas que provocasse um repúdio consciente ou inconsciente sobre a arte de saber estudar. Estudar também é uma arte, pois existe um pensamento crítico permanente que vai além das salas de aula. Tivemos figuras históricas e pessoas que contribuíram muito para o desenvolvimento crítico e intelectual dos brasileiros e que por isso foram condenados e alguns ainda continuam sua batalha no anonimato, pois essa será a tendência. O pensamento crítico transforma e inova o comportamento humano ante aos fatos e desafios que a sociedade enfrenta. Isso funciona como bomba atômica na cabeça de políticos melindres que buscam somente auto promoção e benefícios próprios. Os que saem dessa retórica, são eliminados ou enjaulados políticos como Gandhi ou Mandela. Não existe perfeição. Mas existe ainda a boa vontade de alguns políticos e de profissionais de diversas áreas que vão imediatamente ao apedrejamento jurídico maquinado por um jogo de interesses privados. Estamos na lanterna dos afogados, parafraseando Herbert Viana e espero estar equivocado.

Padre Bidião Pilar 

Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do Autor Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui