Usina de Letras
Usina de Letras
                    
Usina de Letras
103 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 57492 )
Cartas ( 21184)
Contos (12620)
Cordel (10174)
Crônicas (22282)
Discursos (3141)
Ensaios - (9088)
Erótico (13415)
Frases (44271)
Humor (18617)
Infantil (3899)
Infanto Juvenil (2844)
Letras de Música (5479)
Peça de Teatro (1320)
Poesias (138240)
Redação (2946)
Roteiro de Filme ou Novela (1056)
Teses / Monologos (2411)
Textos Jurídicos (1926)
Textos Religiosos/Sermões (4979)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Artigos-->Brasil... família política dos Phylostomidaea -- 24/12/2017 - 11:16 (Padre Bidião) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
Brasil...



Família Política dos Phyllostomideae







A Raiva promovida nos governos Brasil com gestor pendurado nos tetos dos desejos, cagando pra cima, cabeça pra baixo, calhados nas calhas dos sem tetos, vamos prestigiar o pronunciamento natalino de Michel Temer com a aderência sumindo, mas garantido pela família dos Phyllostomidae a cada gota Brasileira uma festa na Alvorada partidária na cunha do PMDB Brasil. Sempre no poder, divide seus membros e faz oposição a eles mesmos entretanto, garante o poder, sempre unidos...



Bebendo cada gota de sangue de um povo à margem, sem saúde, sem educação, a mercê do coronelismo e ALAGOAS canta a cantiga da perua a cada natal de pior a pior.



República das Alagoas volta a tona no TCE de um poder nefasto sem histórico que honre nossa gente, reinando a covardia de uma cantiga na força do grito! Dita Mole falar com o ponto do Dita Dura, Coroné na força do atraso.



Parece estória de Trancoso, mas a política brasileira tem mostrado, a casa malassombra, com vozes! Eu Caio! Puft caiu mais um. E assim proliferam a raiva da família dos sugadores de sangue, os vampiros Humananimais da terra de Cruz SANTA. É Natal,pegue no meu pau mas, o canil Bidiônico deseja a todos, um natal sem tanto osso duro pra roer. Que a paz reine nas mordidas e cachorradas do ano vindouro. Hajam mais paciência e amizade canina entre os cachorros de boa vontade. E que diante de toda a cachorrada, haja sempre um momento de harmonia canina. Feliz Natau au au au au pra todos!
Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do Autor Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui