Usina de Letras
Usina de Letras
                    
Usina de Letras
93 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 57535 )
Cartas ( 21185)
Contos (12631)
Cordel (10185)
Crônicas (22291)
Discursos (3141)
Ensaios - (9093)
Erótico (13416)
Frases (44315)
Humor (18629)
Infantil (3912)
Infanto Juvenil (2858)
Letras de Música (5479)
Peça de Teatro (1320)
Poesias (138263)
Redação (2948)
Roteiro de Filme ou Novela (1056)
Teses / Monologos (2412)
Textos Jurídicos (1926)
Textos Religiosos/Sermões (4990)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Artigos-->Memórias -- 08/12/2017 - 14:45 (Padre Bidião) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
Memórias





Somem disfarçadas pela novidade do dia que mal amanhece, já sorvem as energias advindas do astro rei. Preenchem vazios que o passado deu de garantia ao presente que recusa sua origem e dispersam quando o futuro fica mais próximo. Próximo ou longe, elas não existiriam se não houvesse o presente que pressente ser a memória no futuro. Diante de tudo, sem elas, o vácuo deixado pelo vazio da recusa em ser o aqui agora, sigo acordando e adormecendo, caminhando sem ir a lugar nenhum.
Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do Autor Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui