Usina de Letras
Usina de Letras
17 usuários online

Autor Titulo Nos textos

 

Artigos ( 61949 )

Cartas ( 21333)

Contos (13252)

Cordel (10444)

Cronicas (22529)

Discursos (3235)

Ensaios - (10254)

Erótico (13559)

Frases (50353)

Humor (19993)

Infantil (5387)

Infanto Juvenil (4724)

Letras de Música (5465)

Peça de Teatro (1375)

Poesias (140710)

Redação (3290)

Roteiro de Filme ou Novela (1062)

Teses / Monologos (2435)

Textos Jurídicos (1956)

Textos Religiosos/Sermões (6141)

LEGENDAS

( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )

( ! )- Texto com Comentários

 

Nota Legal

Fale Conosco

 



Aguarde carregando ...
Cordel-->Asas para voar. -- 16/03/2004 - 19:15 (Aline Dremir) Siga o Autor Destaque este autor Envie Outros Textos
Asas para voar.

Tem asa no avião
Asa tem o açucareiro
No pensamento tem asa
Tem asa no galinheiro
Asa é feito pra voar
Ou pra gente imaginar
Voando o tempo inteiro.

Imagine um ferreiro
Trabalhando na bigorna
Com o ferro aquecido
Maleável ele torna
Faz do ferro o que quer
Não faz igual c’a mulher
De noite o caldo entorna.

A água nem fica morna
Botou gelo na fervura
Se a batata queimar
Na cinza ela mistura
Se trabalhar enobrece
De noite o nêgo esquece
De aquecer a criatura.

Água e óleo não mistura
Quem manda é a galinha
Se o galo não trabalho
Fica lendo na entrelinha
Só ouvindo o cacarejo
Não ganha cheiro nem beijo
E vai dormir na cozinha.

Se perdeu tudo que tinha
Com sua mente pequena
Se o homem é um Judas
A mulher é Madalena
Falta força e plataforma
Deixou de seguir a norma
Sua asa ficou sem pena.

Despencou na triste cena
Feito foguete da nasa
O seu vôo arremeteu
Destelhando sua casa
Quem faz vôo na indecisão
Vai se espatifar no chão
Sobra pena falta brasa.

Aline Dremir
16/03/2004
alinedremir@bol.com.br


Comentarios
O que você achou deste texto?     Nome:     Mail:    
Comente: 
Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui