Usina de Letras
                                                                         
Usina de Letras
179 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 

Artigos ( 59112 )

Cartas ( 21236)

Contos (13108)

Cordel (10292)

Crônicas (22195)

Discursos (3164)

Ensaios - (9435)

Erótico (13481)

Frases (46498)

Humor (19274)

Infantil (4456)

Infanto Juvenil (3718)

Letras de Música (5478)

Peça de Teatro (1337)

Poesias (138219)

Redação (3053)

Roteiro de Filme ou Novela (1060)

Teses / Monologos (2427)

Textos Jurídicos (1945)

Textos Religiosos/Sermões (5520)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Letras_de_Música-->CINZAS -- 25/02/2009 - 16:15 (Lílian Maial) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
. CINZAS
®Lílian Maial


Era tudo fantasia,
Um festival de alegorias,
Sorrisos que um artista coloriu,
E a mais perfeita solidão a doer.

De repente, o espaço se fechou,
Como num passe de mágica,
Outro cenário surgiu,
A me acenar lá estava você.

Era tão doce a lembrança,
Mas tão real a tristeza,
O seu lugar tinha que ser aqui.

Era tão linda a promessa,
E tão frustrante o final,
Era outro o bloco a desfilar meu Carnaval.

Por breve fração de tempo,
Eu fui feliz novamente,
Nós dois num sonho inocente,
como até hoje nem lembro.

Minha cabeça em seu ombro,
A paz e o amor lado a lado,
Os nossos filhos crescendo,
E o nosso olhar consternado.

Era tão doce a lembrança,
Mas tão real a tristeza,
O seu lugar tinha que ser aqui.

Era tão linda a promessa,
E tão frustrante o final,
Era outro o bloco a desfilar meu Carnaval.

**********


Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui