Usina de Letras
Usina de Letras
                    
Usina de Letras
82 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 57788 )
Cartas ( 21194)
Contos (12699)
Cordel (10214)
Crônicas (22324)
Discursos (3143)
Ensaios - (9130)
Erótico (13430)
Frases (44614)
Humor (18718)
Infantil (3977)
Infanto Juvenil (2918)
Letras de Música (5483)
Peça de Teatro (1321)
Poesias (138441)
Redação (2958)
Roteiro de Filme ou Novela (1056)
Teses / Monologos (2413)
Textos Jurídicos (1931)
Textos Religiosos/Sermões (5054)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Cordel-->ACUSAÇÃO DO SEU PRÓPRIO ERRO -- 22/12/2003 - 11:37 (José de Sousa Dantas) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
Tem pessoa que faz ACUSAÇÃO de um erro cruel que cometeu
José de Sousa Dantas, em 22/12/2003.

Tem pessoa que é esclarecida,
mas não sabe o que é que tá fazendo,
continua rebelde e cometendo
muitos erros cruéis na sua vida;
no trabalho, em qualquer uma investida,
não se cuida, não se estabeleceu,
é teimosa, nunca se converteu,
nem procura mudar de posição.
Tem pessoa que faz acusação
de um erro cruel que cometeu.

Muita gente quer ser o que não é,
diz que sabe e se torna intrometido,
diz que é santo, no fundo é um bandido,
diz ser nobre, e não passa de ralé,
vez em quando procede de má fé,
tenta ser o que nunca pareceu,
quem dizia ser rico, era plebeu,
quem dizia ser justo, era um ladrão.
Tem pessoa que faz acusação
de um erro cruel que cometeu.

O feitiço caiu pro feiticeiro,
quem feriu com o ferro, foi ferido,
quem dizia ser franco, era fingido,
quem prendia, virou prisioneiro;
o primeiro findou-se derradeiro,
quem pensava subir, logo desceu,
quem dizia ganhar, foi quem perdeu,
ficou contra aos ditames da razão.
Tem pessoa que faz acusação
dos deslizes cruéis que cometeu.

Quem queria criar, nunca criou,
quem dizia servir, nunca serviu,
quem fez muita promessa, não cumpriu,
quem queria educar, não educou,
quem dizia ajudar, não ajudou,
quem queria crescer, nunca cresceu,
quem queria ser forte, esmoreceu,
quem queria ter paz, fez confusão.
Tem pessoa que faz acusação
de um erro cruel que cometeu.

Quem dizia acertar, foi quem errou,
era vil, inconstante, impertinente,
mentiroso, arrogante e renitente,
que dizia mudar, nunca mudou;
quem queria enganar, se enganou,
quem queria vencer, nunca venceu,
quem jurou promover, não promoveu,
quem jurou dizer sim, só disse não.
Tem pessoa que faz acusação
de um erro cruel que cometeu.

Quem dizia ir pra frente, foi pra trás,
quem dizia ser grande, era pequeno,
quem dizia ser puro, era veneno,
quem queria mudar, não foi capaz,
foi errante, mesquinho, contumaz,
quem dizia atender, não atendeu,
quem queria eleger, não elegeu,
só mostrava avareza e ambição.
Tem pessoa que faz acusação
de um erro cruel que cometeu.

Quem dizia fazer acontecer
procurou acusar, foi acusado,
procurou rejeitar, foi rejeitado,
só queria ganhar, sem merecer,
não queria doar, mas receber,
procurou convencer, não convenceu,
quem jurou resolver, não resolveu,
era algoz, era fraco de ação.
Tem pessoa que faz acusação
de um erro cruel que cometeu.

Quem jurou melhorar, não melhorou,
quem dizia entender, não entendia,
quem dizia poder, nunca podia,
quem dizia pagar, nunca pagou,
quem queria ensinar, não ensinou,
quem queria aprender, não aprendeu,
quem queria acolher, não acolheu,
nos causou a maior decepção.
Tem pessoa que faz acusação
de um erro cruel que cometeu.
Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do Autor Seguidores: 69Exibido 886 vezesFale com o autor