Usina de Letras
Usina de Letras
18 usuários online

Autor Titulo Nos textos

 

Artigos ( 61949 )

Cartas ( 21333)

Contos (13252)

Cordel (10444)

Cronicas (22529)

Discursos (3235)

Ensaios - (10254)

Erótico (13559)

Frases (50353)

Humor (19993)

Infantil (5387)

Infanto Juvenil (4724)

Letras de Música (5465)

Peça de Teatro (1375)

Poesias (140710)

Redação (3290)

Roteiro de Filme ou Novela (1062)

Teses / Monologos (2435)

Textos Jurídicos (1956)

Textos Religiosos/Sermões (6141)

LEGENDAS

( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )

( ! )- Texto com Comentários

 

Nota Legal

Fale Conosco

 



Aguarde carregando ...
Erotico-->UM DESEJO -- 17/01/2003 - 21:54 (ADÃO JORGE DOS SANTOS) Siga o Autor Destaque este autor Envie Outros Textos
Eu quero andar pelas ruas da minha cidade e em
cada esquina fazer amor. Quero beijar todas as
bocas e gozar se possivel em cada uma delas,
depois quero encontrar a morena e a negra na
esquina perdida e com elas cometer pecados não
mencionáveis até não mais poder ficar de pé.
Quando passear pela beira do lago Guaíba ,vou
ficar nu e mostrar o meu grande amor para quem
quiser ver e tocar, vou querer ne banhar ao sol e
quando passar a moça de bicicleta, toda esportiva,
lhe convidarei para um exercício a dois que lhe
fará muito bem, mais a ela do que a mim. Quando
anoitecer e a lua cheia surgir no céu vou bater
em qualquer porta e direi que tudo na vida se
resolve sob a cama e embaixo dos lençóis. E se não
acreditar, sem pedir licença lhe beijarei e a
conduzirei até o quarto e vou ama-la até que
súplique que eu pare e que lhe
ajude a descer da parede. Eu quero simplesmente
passear sem rumo, quero ser o homem que você
sonhou encontrar , mas que jamais vai encontrar
porque eu não existo, eu sou apenas um desejo que
fugiu, um sentimento de prazer que ser perdeu ou
que não se realizou, sou o calor que sobe entre
as pernas e que transforma desejo em emoção,
paixão em amor, e tudo termina quando o último
suspiro atravessa as paredes do moralismo e vai
bater na porta dos solitários que anseiam por
um corpo qualquer, um beijo perdido, um contato
cortez e que finalmente eu escorra livre por
seus lábios e seios e que saciado me perca
entre o assoalho, retornando a ser apenas um
desejo, só um desejo..... O seu desejo....
o meu desejo..o nosso desejo.
Comentarios
O que você achou deste texto?     Nome:     Mail:    
Comente: 
Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui