Usina de Letras
Usina de Letras
                    
Usina de Letras
85 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 57112 )
Cartas ( 21170)
Contos (12595)
Cordel (10092)
Crônicas (22212)
Discursos (3137)
Ensaios - (9017)
Erótico (13404)
Frases (43771)
Humor (18490)
Infantil (3792)
Infanto Juvenil (2720)
Letras de Música (5470)
Peça de Teatro (1317)
Poesias (138317)
Redação (2926)
Roteiro de Filme ou Novela (1055)
Teses / Monologos (2401)
Textos Jurídicos (1925)
Textos Religiosos/Sermões (4892)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Ensaios-->Jim Jones no Brasil: obra de Moscou -- 13/06/2007 - 16:22 (Félix Maier) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
Oi Bruno,

Acabei de receber seu e-mail abaixo. O infame Jim Jones foi pago por Moscow para emigrar dos Estados Unidos para o Brasil em 1962 e assim que ele chegou aí ele foi morar inicialmente em Belo Horizonte e em seguida mudou para O Nordeste Brasileiro. Sua missão era levantar todo o Nordeste em pról da causa comunista. Uma vez lá ele requereu uma Estação de Radio completa para que sua campanha fôsse mais eficiente.

Outro comunista, o Senador Ted Kennedy de Massachussets (irmão do comunista-católico que havia casado com uma espiã Alemã antes de casar novamente com uma das filhas de um riquíssimo cidadão e acabou sendo eleito Presidente dos Estados Unidos em 1960) doou uma Estãção de Radio Completa para o Jim Jones. O infame Ted Kennedy ainda é Senador do Estado de Massachussets.

Uma vez estabelecido no Nordeste, Jim Jones participou da fundação das infames Ligas Campesinas que, como os comunistas faziam então no Viet-Nam, iam pelo interior do Nordeste recrutando todos os coitados para a 'sublime' causa comunista. Uma vez o Jim Jones liderou uma Liga Campesina onde o dono de uma fazenda se recusou a se unir aos comunistas. Pois bem, 0 fazendeiro e toda a familia dele (9) e mais duas crianças foram obrigados a ficar em pé na Estrada formando uma linha e todos voltados para a casa deles. Aí um dos capangas da Liga Campesina com uma machete afiada foi decepando as cabeças de um por um dos onze infelizes enquanto o resto da Liga dava urros de 'Viva a Revolução' acenando a bandeira da foice e do martelo.

Quando veiu a Contra-Revolução de 31 de Março de 1964, os militares - em consideração aos Estados Unidos - não submeteram Jim Jones a um Processo pelas mortes que causou. Apenas eles o deportaram para os Estados Unidos onde foi para San Francisco e fundou a 'Igreja do Povo'

Pois bem, outro infame, Jimmy Carter - também não sei como ele foi eleito Presidente dos EEUU em 1976 - toda vez que vinha ao Oeste dos Estados Unidos ele ia com a esposa visitar o infame Jim Jones na 'igreja' dele em San Francisco, onde os adeptos davam tudo o que tinham para o Jim Jones 'distribuir' entre todos 'igualmente'. A 'igreja' ficava no centro de uma área cercada completamente e os adeptos que entravam para a 'igreja' não podiam sair mais.

Pois bem, o Jymmy Carter fez uma visita oficial ao Brasil em 1978. Ao descer do avião no Rio (poucas semanas antes de Novembro de 1978), ele imediatamente acusou o Governo Militar do Brasil por não ter repeitado os 'Direitos Humanos' do Jim Jones e por o terem deportado de volta para os Estados Unidos.

Enquanto isso, um dos crentes da igreja de Jim Jones conseguiu fugir e falou horrores do que se passava naquela igreja. Temendo complicação com o Governo da California, o infame Jim Jones resolveu mudar toda a igreja com quasi mil pessoas (você faz uma idéia do que é ajuntar mil pessoas para uma viagem de avião de San Francisco para a Guyana Inglesa? ) Uma vez lá, ele fundou a infame Jonestown. Pois bem, o Governo da Califórnia mandou um Deputado Estadual (Leo J. Ryan) e mais quatro ajudantes para investigar o Jim Jones. Na chegada deles, o Jim Jones matou todos os cinco homens do Governo da Califórnia!

Quando eles ouviram boatos que o Governo da Califórnia ia formar uma expedição para averiguar tudo, Jim Jones mandou os dois filhos que tinha: Stephen (branco) e Jim Jones Junior (preto), jogar baskette numa cidade visinha no dia 18 de Novembro de 1978. Naquele mesmo dia, o Jim Jones forçou 911 crentes a tomar veneno e ele se suicidou como o Hitler, outro infame Salvador Allende e Getúlio Vargas.

Quando a expedição da California chegou lá, todos estavam mortos e já em estado de putrefação. Encontraram no Escritório dele mais de CINCO MILHÕES de dólares em dinheiro vivo.

Vinte anos depois, no dia 18 de Novembro de 1998, o Stephen e o Jim Jones Junior compareceram à Televisão Nacional e fizeram um detalhado relatório do que se passou. Foi a única vez que vi Televisão.

Recentemente, e 'por coincidência' o Jimmy Carter foi indicado pela ONU para 'fiscalizar' o plebiscito que o Chávez mandou realizar na Venezuela. Naturalmente, o Chávez ganhou e o Jimmy Carter declarou que tudo foi realizado 'legalmente'.

Eloy Franco (dos EUA)


Obs.: Obrigado, Eloy, por nos dar uma autêntica aula de história, uma história que não se ouve nos meios de comunicação e não se lê nos bancos escolares (F.M.).








Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do Autor Seguidores: 491Exibido 2730 vezesFale com o autor