Usina de Letras
Usina de Letras
                    
Usina de Letras
66 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 57116 )
Cartas ( 21170)
Contos (12600)
Cordel (10093)
Crônicas (22214)
Discursos (3137)
Ensaios - (9018)
Erótico (13404)
Frases (43783)
Humor (18496)
Infantil (3794)
Infanto Juvenil (2721)
Letras de Música (5470)
Peça de Teatro (1317)
Poesias (138319)
Redação (2927)
Roteiro de Filme ou Novela (1055)
Teses / Monologos (2402)
Textos Jurídicos (1925)
Textos Religiosos/Sermões (4898)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Artigos-->Salão da Enganação! -- 08/07/2012 - 13:05 (Marcelo de Oliveira Souza,IWA Instagram:marceloescritor) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos

 

Salão da Enganação

O poder da imprensa é tão grande e inquestionável que se uma repórter de um canal de televisão disser que vai chover, todos saem de guarda-chuva num perfeito dia de sol.
As pessoas acostumaram a não questionar a televisão, os senhores da verdade, poder de quem manipula a mídia.
Como a repórter saiu falando maravilhas do Salão do Chocolate, provando as maravilhas do cacau, no Centro de Convenções, quem vai dizer que não é verdade?
As pessoas pegam uma fila enorme para pagar a entrada de dez reais e também as crianças acima de dois anos são pagantes; quando chegam ao recinto querendo provar o bombom, ficamos constrangidos com algumas representantes que parecem donas da fábrica e para piorar saímos assustados com os chocolates a peso de ouro, uma barra por cinquenta a setenta reais!
O pior que a saída do evento é um jogo de labirinto, temos que adivinhar; quando acompanhamos um casal para achar a saída, a funcionária os deixou passar e na nossa vez disse que a saída não era ali, mandando a gente retornar. (hora da saída 11:40 do dia 08/07 )
Quando retrucamos que o casal saiu por ali, ela somente respondeu que não era a saída, depois de alguma insistência ela percebeu o seu erro e nos deixou sair do labirinto.
Mas isso tudo não saiu incólume, chamando baixinho o cliente do salão da enganação de idiota, mas nós somos mesmos idiotas, pois num lugar que não tem saída visível e chocolates a peso de ouro – ainda é maltratado pelos funcionários – a gente bem que podia fazer o nosso próprio festival de chocolates com o valor da entrada no evento.

Marcelo de Oliveira Souza

Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do Autor Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui