Usina de Letras
Usina de Letras
                    
Usina de Letras
257 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 57940 )
Cartas ( 21204)
Contos (12788)
Cordel (10234)
Crônicas (22050)
Discursos (3145)
Ensaios - (9188)
Erótico (13450)
Frases (45027)
Humor (18875)
Infantil (4089)
Infanto Juvenil (3117)
Letras de Música (5496)
Peça de Teatro (1328)
Poesias (138516)
Redação (2984)
Roteiro de Filme ou Novela (1056)
Teses / Monologos (2416)
Textos Jurídicos (1932)
Textos Religiosos/Sermões (5184)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Cordel-->BENEDITO GENEROSO FAZ VIAGEM NO SERTÃO -- 06/10/2003 - 09:47 (José de Sousa Dantas) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
BENEDITO GENEROSO FAZ VIAGEM NO SERTÃO
José de Sousa Dantas, em 06/10/2003

BENEDITO GENEROSO,
é poeta curioso,
competente e valioso,
quis ouvir o CARCARÁ;
visitou a PARAÍBA,
passou pelo Parnaíba,
foi até o Ceará.

Viu mocó e sabiá,
guaxinim, tamanduá,
peba, tatu e preá,
jacu e maracanã;
cafute, tetéu, concriz,
papagaio, codorniz,
asa branca e jaçanã.

Começou pela manhã,
percorrendo toda chã,
almoçou curimatã,
no nordeste brasileiro;
viu o pássaro carão,
carcará e gavião
rolinha, pato e trigueiro.

No riacho e no barreiro,
tomou banho no aceiro,
fez verso com VIOLEIRO,
com vate, cabra da peste;
de Pernambuco a Bahia,
conheceu a freguesia,
passeando no nordeste.

Do Norte, Sul e Oeste,
sei que GENEROSO investe,
numa viagem inconteste,
conhecendo as terras santas;
ficou feliz, animado,
experiente, inspirado,
olhando as belezas tantas.

Conversou com JOSÉ DANTAS,
sentiu o cheiro das plantas,
após almoços e jantas,
prosseguiu a caminhada;
conheceu vários lugares,
as culturas populares,
forró, glosa e vaquejada,......

Viu na beira da estrada,
o campônio na morada,
fazendo a bela toada
de vaqueiro aboiador;
aí ficou mais esperto,
decidiu ouvir de perto,
o POETA CANTADOR.

Visitou todo setor,
com prazer e com vigor,
sentindo o forte calor,
recebendo a energia;
ficou emocionado,
feliz e realizado,
cheio de tanta alegria.

Fez uma bela POESIA,
com arte e com maestria,
mostrando sabedoria,
no trabalho de cordel;
comprovando que na arte,
é um mestre baluarte,
um companheiro fiel.

Vou cumprindo o meu papel,
qual infante no quartel,
revelando no painel,
toda a minha produção;
e dizer pra GENEROSO,
que eu me sinto orgulhoso,
visitando O MEU SERTÃO.

GENEROSO tem visão,
talento e disposição,
faz verso com emoção,
com rima e com harmonia,
revelando para o mundo
o seu trabalho profundo,
de arte e de primazia.

Sonha, pensa, sente e cria,
usando a sabedoria,
se esforça, trabalha, envia
sua obra genuína;
para toda a humanidade,
ler versos de qualidade,
navegando na USINA.

Recebendo a luz divina,
passeou pela campina,
nessa área nordestina,
conhecendo o ambiente;
colocando na memória,
essa sua trajetória,
com os versos de repente.

GENEROSO é competente,
humilde, nobre e decente,
genial e coerente,
criativo e dedicado;
diligente e prevenido,
ditoso e bem sucedido
autêntico e determinado.

É urbano e preparado,
eficaz, organizado,
sincero, firme e versado,
entendido e atuante;
solidário, reverente,
respeitado, experiente,
inteligente e brilhante.

Seu trabalho é importante,
grande e significante,
valioso, edificante,
recheado de emoção;
feito com desenvoltura,
engrandecendo a cultura,
melhorando a educação.

Faz a contribuição,
com amor e devoção,
na mais doce inspiração,
mostrando que é capaz;
o seu canto nos ensina,
com a luz que ilumina,
das graças celestiais.

Tudo isso e muito mais,
GENEROSO pensa e faz,
seus trabalhos geniais,
retratando a natureza,
a paisagem, a região,
as belezas do SERTÃO,
o riacho, a correnteza.

Trabalhando com firmeza,
com cuidado e com clareza,
com entusiasmo e presteza,
coragem e disposição;
realizou a viagem,
trouxe na sua bagagem,
a melhor informação.

É de todo coração,
que eu fiz a descrição,
num gesto de gratidão,
ao colega GENEROSO;
está pronto o meu lugar,
pra quando quiser voltar,
fazer passeio gostoso.
Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do Autor Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui