Usina de Letras
Usina de Letras
                    
Usina de Letras
255 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 57940 )
Cartas ( 21204)
Contos (12788)
Cordel (10234)
Crônicas (22050)
Discursos (3145)
Ensaios - (9188)
Erótico (13450)
Frases (45027)
Humor (18875)
Infantil (4089)
Infanto Juvenil (3117)
Letras de Música (5496)
Peça de Teatro (1328)
Poesias (138516)
Redação (2984)
Roteiro de Filme ou Novela (1056)
Teses / Monologos (2416)
Textos Jurídicos (1932)
Textos Religiosos/Sermões (5184)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Cordel-->A minha alma se encanta nas obras do CRIADOR -- 01/10/2003 - 13:22 (José de Sousa Dantas) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
A minha alma se encanta nas obras do CRIADOR
José de Sousa Dantas, em 01/10/2003

DEUS fez o mundo perfeito,
pra ninguém modificar,
é FONTE pra se estudar,
formalizando conceito,
tirando grande proveito,
sendo observador,
para ser um professor,
que desenvolve e adianta.
A minha alma se encanta
nas obras do CRIADOR.

Como são admiráveis
as OBRAS do Onipotente,
todas coerentemente,
sublimes e irreparáveis,
algumas indecifráveis,
por qualquer pesquisador,
só o Ser Superior
tem o poder que suplanta.
A minha alma se encanta
nas obras do CRIADOR.

Planetas na amplidão,
em torno do sol girando,
este fica iluminando,
e a terra faz rotação,
a lua na posição,
obedece ao girador,
o sol sendo o transmissor
da luz que lhe agiganta.
A minha alma se encanta
nas obras do CRIADOR.

Ressurge o amanhecer,
o céu fica iluminado,
com raios pra todo lado,
que nos vem favorecer,
depois vem o entardecer,
o sol com bonita cor,
desliga seu refletor,
noutra área se abrilhanta.
A minha alma se encanta
nas obras do CRIADOR.

Tem a luz divina em tudo,
no caminho, na viagem,
no espaço, na paisagem,
na folha, no borrachudo,
no calango, no cascudo,
no desabrochar da flor,
no perfume, no sabor,
na semente de uma planta.
A minha alma se encanta
nas obras do CRIADOR.

É gostoso observar
o sol que nos ilumina,
a água que sai da mina,
a chuva que vem molhar,
cada flor pra contentar
a muitos com seu fulgor,
o vento que não tem cor,
a nuvem formando a manta.
A minha alma se encanta
nas obras do CRIADOR.

O céu, a terra e o mar,
a nuvem, a chuva, o trovão,
a ventania, o vulcão,
os astros, o sol e o ar,
as estrelas, o luar,
a hora do sol se pôr,
arco-íris multicor,
a água, a lagoa, a planta.
A minha alma se encanta
nas obras do CRIADOR.

Nuvem, chuva, lua e sol,
água, rio, mar e terra,
vale, monte, bosque e serra,
fauna, flora, chã, lençol,
dia, noite e arrebol,
frio, vento, ar, calor,
a aquarela, o verdor,
toda a natureza santa.
A minha alma se encanta
nas obras do CRIADOR.

Admiro a natureza,
a aurora, o horizonte,
a montanha, a serra, o monte,
a força da correnteza,
o firmamento, a grandeza
desse mundo encantador,
a paisagem, o esplendor,
a infinidade da manta.
A minha alma se encanta
nas obras do CRIADOR.

A nuvem se desfiando
no céu da cor de anil,
modificando o perfil,
e o relâmpago clareando,
com o trovão estrondeando,
no alto como motor,
causando um grande tremor,
que muita gente se espanta.
A minha alma se encanta
nas obras do CRIADOR.

A paisagem no inverno,
a chuva molhando o chão,
o verde da plantação,
o campo todo moderno,
com a mudança de terno,
com a mais bonita cor,
e a borboleta na flor,
beija, almoça, ceia e janta.
A minha alma se encanta
nas obras do CRIADOR.

A beleza natural
da rosa, amarela e preta,
branca, azul e violeta,
lilás, vermelha e coral,
na serra, vale ou quintal,
na praça, em qualquer setor,
se encontra a bela flor,
que enfeita e adiamanta.
A minha alma se encanta
nas obras do CRIADOR.

Admiro o vaga-lume
de noite numa campina,
com seu farol que ilumina
estrada, cerca e tapume,
ele tem seu próprio lume,
para acender o sensor,
sem precisar de motor,
nenhuma peça, ele implanta.
A minha alma se encanta
nas obras do CRIADOR.

Eu admiro a formiga,
cada uma organizada,
cumprindo a sua jornada,
trabalhando sem fadiga,
não há homem que consiga
ser o seu imitador,
ela sem carregador,
uma montanha levanta.
A minha alma se encanta
nas obras do CRIADOR.

Admiro a jaçanã,
o canário e o sabiá,
o trigueiro, o CARCARÁ,
a rolinha, arribaçã,
tetéu e maracanã,
rouxinol e beija-flor,
asa branca e o condor,
a ave que desencanta.
A minha alma se encanta
nas obras do CRIADOR.

Escutando o passarinho,
ao amanhecer do dia,
promovendo a alegria,
no campo, em todo caminho,
onde estou no meu cantinho,
ouço o pássaro cantador,
qual a voz de um tenor,
que me alegre e me acalanta.
A minha alma se encanta
nas obras do CRIADOR.

Agradeço todo dia
a DEUS Pai, pela existência,
por tanta suficiência,
ser meu mestre e ser meu guia,
recebendo a energia,
que me enche de vigor,
de luz e de esplendor,
com a providência santa.
A minha alma se encanta
nas obras do CRIADOR.

DEUS me deu a condição,
pra construir o meu mundo,
fazer trabalho fecundo,
com empenho e decisão,
sob a Sua proteção,
sou um colaborador,
que me faz ser escritor,
poeta que desencanta.
A minha alma se encanta
nas obras do CRIADOR.
Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do Autor Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui