Usina de Letras
Usina de Letras
                    
Usina de Letras
241 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 57924 )
Cartas ( 21204)
Contos (12783)
Cordel (10233)
Crônicas (22048)
Discursos (3145)
Ensaios - (9188)
Erótico (13447)
Frases (45006)
Humor (18866)
Infantil (4083)
Infanto Juvenil (3105)
Letras de Música (5496)
Peça de Teatro (1328)
Poesias (138507)
Redação (2982)
Roteiro de Filme ou Novela (1056)
Teses / Monologos (2415)
Textos Jurídicos (1932)
Textos Religiosos/Sermões (5174)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Cordel-->A vida foi DEUS que me deu -- 29/09/2003 - 17:45 (José de Sousa Dantas) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
A vida foi DEUS que me deu
José de Sousa Dantas, em 29/09/2003
Participação de José Aires de Oliveira

Todo dia eu agradeço
a DEUS Pai, pela existência,
pela minha inteligência,
e por tudo que eu mereço;
a ELE me ofereço,
pra proteger o que é meu,
meu consciente, meu EU,
e meu subconsciente.
A vida, o maior presente,
foi DEUS que me concedeu.

Minha boca, minha mão,
perna, coxa, pele e braço,
intestino, rim e baço,
nariz, dedo e coração,
pescoço, rosto e visão,
tíbia, osso, peroneu,
a laringe, o perineu,
sangue na veia corrente.
A vida, o maior presente,
foi DEUS que me concedeu.

A vida é maravilhosa,
deslumbrante e prazenteira,
essencial, verdadeira,
bela, pura e melindrosa,
importante e primorosa,
por tudo que se viveu,
e o que não se sucedeu,
que se acha para frente.
A vida, o maior presente,
foi DEUS que me concedeu

Nossa vida é uma mistura
de tristeza e de alegria,
desavença e harmonia,
de escassez e de fartura,
de dureza e de ternura,
de desencontro e himeneu,
de tudo que é meu e seu,
que se mantém consistente.
A vida, o maior presente,
foi DEUS que me concedeu.

O sonho e a esperança,
são dois calmantes que DEUS
autoriza aos filhos seus,
para terem confiança,
coragem e perseverança,
seja famoso ou plebeu,
um deísta ou um ateu,
cada um tem a patente.
A vida, o maior presente,
foi DEUS que me concedeu.

Aproveito cada instante
dessa vida preciosa,
mesmo que seja espinhosa,
ela é dignificante,
é dinâmica, vou avante,
cultivo o que DEUS me deu,
comemoro jubileu,
que me deixa mais contente.
A vida, o maior presente,
foi DEUS que me concedeu.

Vou curtindo a minha vida,
firme, forte e animado,
estou sendo agraciado,
com a bênção concedida,
no trabalho, na guarida,
e em cada trajeto meu,
de baixo até o apogeu,
tenho o Pai Onipotente.
A vida, o maior presente,
foi DEUS que me concedeu.

Quero ter a proteção
do divino CRIADOR,
pra ter força interior,
paz, amor no coração,
mantendo a conexão
entre universo e meu EU,
que Ele me ofereceu,
pra alimentar minha mente.
A vida, o maior presente,
foi DEUS que me concedeu.

Feliz quem pode alcançar
idade mais avançada,
vai percorrendo uma estrada,
cultivando sem parar,
tem história pra contar,
de tudo que conheceu,
o mundo lhe forneceu
essa fortuna excelente.
A vida, o maior presente,
foi DEUS que me concedeu.

Aprecio a natureza,
os espaços siderais,
as plantas, os animais,
as águas, a correnteza,
meu DEUS que tanta beleza,
que o Senhor desenvolveu,
que a mim favoreceu,
sou parte desse ambiente.
A vida, o maior presente,
foi DEUS que me concedeu.

Pela manhã me levanto,
observo o firmamento,
o sol no seu aposento,
recheado de encanto,
o seu esplendor é tanto,
foi DEUS que favoreceu,
novo dia apareceu,
com o sol incandescente.
A vida, o maior presente,
foi DEUS que me concedeu.

Eu tenho convicção
que DEUS é meu bom amigo,
Ele está no meu abrigo,
dentro do meu coração,
para me dar proteção,
tudo me ofereceu,
minha vida, Ele benzeu,
resta a mim, ser coerente.
A vida, o maior presente,
foi DEUS que me concedeu.

DEUS me dá força, energia,
coragem e disposição,
luz, vontade, inspiração,
talento e sabedoria,
paz, amor e harmonia,
para o mundo, me escolheu,
vou vivendo nesse Seu
universo transcendente.
A vida, o maior presente,
foi DEUS que me concedeu.

Não existe neste mundo,
prata, bronze, cobre, ouro,
que seja o maior tesouro,
sublime, puro e profundo,
especial e fecundo,
que pra mim apareceu,
nem existe num museu,
um valor polivalente.
A vida, o maior presente,
foi DEUS que me concedeu.

Nosso bem mais precioso,
ímpar e fundamental,
delicado, essencial,
importante e prazeroso,
verdadeiro, primoroso,
que a natureza proveu,
preservou e promoveu,
o patrimônio da gente.
A vida, o maior presente,
foi DEUS que me concedeu.

A vida é um livro aberto,
no curso da trajetória,
constituindo a história,
que contém errado e certo,
para o homem mais esperto,
mais caminho percorreu,
sua história escreveu,
de maneira transparente.
A vida, o maior presente,
foi DEUS que me concedeu.

Quero a vida sem maldade,
com paz, amor, sem engano,
vivendo o cotidiano,
buscando a felicidade,
mantendo a dignidade,
cultivando o sonho meu,
respeitando o que é seu,
preservando o ambiente.
A vida, o maior presente,
foi DEUS que me concedeu.

Toda vida acreditei
no meu DEUS Onipotente,
Ele está sempre presente,
ensinando a sua LEI,
que eu sempre a cultivei,
pra acertar no plano meu,
o caminho, Ele escreveu,
pra que eu possa ir em frente.
A vida, o maior presente,
foi DEUS que me concedeu.

Faço verso de repente,
na força da inspiração,
recebendo a proteção
de DEUS Pai, onipotente,
que manda pra minha mente
as palavras adequadas,
para serem colocadas
nas frases com harmonia,
revelando em POESIA
as idéias projetadas.

Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do Autor Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui