Usina de Letras
Usina de Letras
                    
Usina de Letras
95 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 57395 )
Cartas ( 21182)
Contos (12616)
Cordel (10141)
Crônicas (22260)
Discursos (3139)
Ensaios - (9065)
Erótico (13414)
Frases (44153)
Humor (18595)
Infantil (3853)
Infanto Juvenil (2804)
Letras de Música (5476)
Peça de Teatro (1320)
Poesias (138563)
Redação (2942)
Roteiro de Filme ou Novela (1055)
Teses / Monologos (2409)
Textos Jurídicos (1926)
Textos Religiosos/Sermões (4945)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Artigos-->O Horário do Bestão -- 03/10/2011 - 11:00 (Marcelo de Oliveira Souza,IWA Instagram:marceloescritor) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
O Horário do Bestão





Todos Sabem que o horário de verão é aquele vizinho incomodativo que passa uma temporada junto à sua casa, tumultua a sua vida e vai embora.

Ele o faz acordar cedo, enfrentando a insegurança abrigada pela madrugada, muda severamente a rotina de quem trabalha, de quem transpira para produzir honestamente; o empregado, povão, aquele que não pode opinar, somente decide na hora do voto e olhe lá, pois a obrigatoriedade é o meio dos “sabidos” obrigarem a população fazer algo contra a sua vontade, mesmo assim, votando em quem não quer, ainda comemora, pensando que alguma coisa irá mudar.

Assim é a nossa democracia, a que elegemos o representante de interesse próprios, dizendo ser interesse comum, essa é a nossa realidade.

Nos tornamos “bestões”, verdadeiros cordeiros, desinformados, sem direitos plenos e sem sonhos, somos castrados socialmente, o governo enriquece cada vez mais, empresários comemoram suas vendas, ainda incutem na nossa sociedade que o povo vai bem, - “gastando muito” - mesmo com a saúde precária, violência desenfreada e tráfico de drogas. A educação está descendo cada vez mais, professores desmotivados, essa é uma perfeita orquestra para uma democracia plena, com tantos direitos cerceados, por que não comemorar com o horário de verão, assim quem manda vai ter mais tempo para gastar aqui ou em outros estados e países, enquanto isso o empregado terá que cumprir rigorosamente o horário do “bestão”.





Marcelo de Oliveira Souza

Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do Autor Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui