Usina de Letras
Usina de Letras
                    
Usina de Letras
109 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 57113 )
Cartas ( 21170)
Contos (12596)
Cordel (10092)
Crônicas (22212)
Discursos (3137)
Ensaios - (9017)
Erótico (13404)
Frases (43771)
Humor (18490)
Infantil (3792)
Infanto Juvenil (2720)
Letras de Música (5470)
Peça de Teatro (1317)
Poesias (138319)
Redação (2926)
Roteiro de Filme ou Novela (1055)
Teses / Monologos (2401)
Textos Jurídicos (1925)
Textos Religiosos/Sermões (4892)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Artigos-->Porque o consumidor sai sempre perdendo? -- 15/07/2011 - 11:50 (Marcelo de Oliveira Souza,IWA Instagram:marceloescritor) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
Porque o consumidor sai sempre perdendo?





Quando estamos comprando qualquer tipo de produto é imprescindível que prestemos bastante atenção principalmente para recebermos a nota fiscal.

Quanto mais caro o produto mais problemas futuros podem ser, se for com construtora do apartamento então, só rezando para ter a graça da bendita não falir, senão seu sonho vai para o espaço.

Mas uma coisa nos deixa bastante revoltado, quando é um simples produto como um cortador de cabelo da Britânia, na loja Insinuante do centro de Salvador, inventaram uma garantia estendida, que o consumidor paga para ter um produto novo em caso de avaria, como esse tipo de máquina a lâmina cega rapidamente, resolvemos embarcar nesse sonho, que deu até um guia prático da Garantech.

Resultado: procuramos o gerente que foi logo pedindo senha, como não sabíamos disso, ele disse que o produto tinha somente seis meses e não poderia trocar, pois estava na garantia, poderia sim consertar, senão teria que esperar um ano para ter um produto novo.

Quer dizer, a garantia estendida, de até um ano é para a gente ficar um ano com o produto quebrado na mão e estender a nossa frustração para esse tipo de garantia, não esquecendo também de estender o nosso desapontamento com as Lojas Insinuantes, que com essa política de enganação não sei aonde vai dar.

Para terminar um dia de frustração nada como dar uma olhadinha na conta corrente do Banco do Brasil agência 3025-2 de Brotas, Salvador , Bahia e perceber que você foi lesado em 101,16 reais, por uma assinatura que a pessoa nunca fez; fomos procurar o gerente e ele disse que não poderia devolver o dinheiro, nem colocar a arma na cara de ninguém para fazer isso, pois uma tal de Editora três puxou do correntista esse valor, do nada, tendo o correntista que correr atrás do prejuízo, sair caçando uma editora que nunca ouviu falar.

Porque o Banco sabe o número do telefone na hora de oferecer empréstimo ou outras baboseiras? Mas na hora que alguma editora esperta puxa o seu dinheiro ninguém sabe ligar para o pobre do correntista? Só no Brasil mesmo para isso acontecer, ou mais exatamente, no Banco do Brasil, não nos esqueçamos de agradecer ao nosso governador, que nos obriga a ser correntista de um banco que apresenta inúmeros desserviços, para o combalido servidor público.





Marcelo de Oliveira Souza



Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do Autor Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui