Usina de Letras
Usina de Letras
119 usuários online

Autor Titulo Nos textos

 

Artigos ( 62161 )

Cartas ( 21334)

Contos (13260)

Cordel (10449)

Cronicas (22530)

Discursos (3238)

Ensaios - (10347)

Erótico (13567)

Frases (50573)

Humor (20027)

Infantil (5422)

Infanto Juvenil (4752)

Letras de Música (5465)

Peça de Teatro (1376)

Poesias (140790)

Redação (3302)

Roteiro de Filme ou Novela (1062)

Teses / Monologos (2435)

Textos Jurídicos (1959)

Textos Religiosos/Sermões (6182)

LEGENDAS

( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )

( ! )- Texto com Comentários

 

Nota Legal

Fale Conosco

 



Aguarde carregando ...
Artigos-->Contação de histórias num abrigo de senhoras - (2) -- 01/07/2011 - 18:33 (Alzira Chagas Carpigiani) Siga o Autor Destaque este autor Envie Outros Textos


 



Relatório de 17 de junho de 2011 &
9472; Abrigo Pentecostes (das 10 às 11 h)



Senhoras:



Maria (não é Maria Silvestre)



Dolores (Rio de Janeiro)



Valdete (Jaú)



Maria Rosa (Rosa), (de Recife)



Maria José (Zezé) &
9472; (de Cupira – perto de Recife)



Pérola



Ascensão



Joana (de Minas Gerais)



Hermínia (senhora sorridente de São José dos Campos)



Ermerinda  (do bairro de Pinheiros, em São Paulo)



Enfermeira: Val



Histórias: Cinderela; A História do Sal; Fátima Fiandeira e O Jardineiro Louco.



O ambiente está se descontraindo aos poucos. Hoje as senhoras conversaram mais do que no primeiro dia e até comentaram sobre seus estados e cidades de origem. 



Nenhuma delas se lembrava de ter ouvido a história da Cinderela na infância, achei isso inacreditável por essa ser uma das histórias mais antigas da humanidade e fazer parte de quase todas as culturas do mundo. Já na história da Fátima Fiandeira, dona Rosa fez uma pausa para dizer que quando era moça, fiar o algodão era o seu trabalho, ela contou que colhia o algodão, esticava bem até ele se tornar um cordão e depois o levava até a roca para fiar. Mas foi a história de Tsieou Sien, o Jardineiro Louco (um conto chinês), que mais envolveu o nosso grupo emocionalmente, por tratar de temas tão delicados como a velhice e a morte. Só que essa história também enfatiza a determinação, a coragem, a dedicação, a fé, o autoconhecimento da personagem Tsieou e é isso que enriquece essa narrativa tão antiga, que tem como base a filosofia do taoísmo.



Bom, por enquanto é só. Até a próxima!



 

Comentarios
O que você achou deste texto?     Nome:     Mail:    
Comente: 
Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui