Usina de Letras
Usina de Letras
22 usuários online

Autor Titulo Nos textos

 

Artigos ( 61953 )

Cartas ( 21333)

Contos (13252)

Cordel (10444)

Cronicas (22529)

Discursos (3235)

Ensaios - (10258)

Erótico (13560)

Frases (50354)

Humor (19993)

Infantil (5388)

Infanto Juvenil (4724)

Letras de Música (5465)

Peça de Teatro (1375)

Poesias (140710)

Redação (3290)

Roteiro de Filme ou Novela (1062)

Teses / Monologos (2435)

Textos Jurídicos (1956)

Textos Religiosos/Sermões (6141)

LEGENDAS

( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )

( ! )- Texto com Comentários

 

Nota Legal

Fale Conosco

 



Aguarde carregando ...
Ensaios-->Ouvindo o silêncio -- 13/04/2002 - 23:37 (Alexandre da Silva Galvão) Siga o Autor Destaque este autor Envie Outros Textos
Ouvindo o silêncio

O contraponto, o ante-fato, a variação do período que separa dois atos de respiração, as inconstâncias cardíacas, a forma de piscar os olhos, os tremores faciais. Negligenciar isto é desprezar a maior fonte de conhecimento do outro. O que se fala e o que se faz não tem tanta importância. Não existe objetividade nas relações humanas. As verdades estão nas entrelinhas, elas se escondem sob gestos ou sons que são executados de forma tranqüila ou furiosa, variando com o tamanho da verdade omitida.
A verdadeira essência de cada ser humano implora para ser descoberta, ela arde no escuro, grita no silêncio, doe num sorriso, e se entrega totalmente a quem souber e tiver amor suficiente para colhê-la.
Comentarios
O que você achou deste texto?     Nome:     Mail:    
Comente: 
Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui