Usina de Letras
                                                                         
Usina de Letras
26 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 

Artigos ( 59030 )

Cartas ( 21233)

Contos (13074)

Cordel (10287)

Crônicas (22188)

Discursos (3163)

Ensaios - (9399)

Erótico (13482)

Frases (46374)

Humor (19245)

Infantil (4422)

Infanto Juvenil (3668)

Letras de Música (5476)

Peça de Teatro (1335)

Poesias (138127)

Redação (3048)

Roteiro de Filme ou Novela (1060)

Teses / Monologos (2425)

Textos Jurídicos (1943)

Textos Religiosos/Sermões (5490)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Frases-->Silêncio proustiano. -- 12/05/2018 - 18:53 (Elpídio de Toledo) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
.
Clique com o dedo direito no meu nome, a seguir, e escolha "abrir em nova janela" para ouvir essa música de minha lavra e parceria com Eduardo Toledo. Minha gaita Honner dá o tchã, enquanto a voz dele se evidencia. ===>>>Elpidio Toledo

                                                                               texto

Silêncio não é apenas não falar, mas experienciar consciente da calma, 
prostrar da excitação e do movimento, tanto física quanto interiormente. 
Você se reúne, ganha força; realmente, vem para si mesmo. 
Marcel Proust (1871-1922), colunista e romancista francês. 
Schweigen ist nicht nur Nicht-Sprechen, sondern bewußtes Erleben der Stille, 
Ausschwingung der Erregung und Bewegung, körperlich und innerlich. 
Man sammelt sich, gewinnt Kraft und kommt wirklich zu sich selbst. 
Marcel Proust (1871 - 1922), franz. Feuilletonist und Romanautor
Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do Autor Seguidores: 38Exibido 180 vezesFale com o autor