Usina de Letras
Usina de Letras
                    
Usina de Letras
28 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 57766 )
Cartas ( 21192)
Contos (12688)
Cordel (10207)
Crônicas (22323)
Discursos (3143)
Ensaios - (9127)
Erótico (13426)
Frases (44571)
Humor (18706)
Infantil (3973)
Infanto Juvenil (2911)
Letras de Música (5481)
Peça de Teatro (1321)
Poesias (138411)
Redação (2955)
Roteiro de Filme ou Novela (1056)
Teses / Monologos (2413)
Textos Jurídicos (1930)
Textos Religiosos/Sermões (5041)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Cordel-->O MUNDO é pra toda gente -- 16/05/2003 - 18:02 (José de Sousa Dantas) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
O mundo é pra toda gente, mas alguém privilegia
José de Sousa Dantas, em 16/05/2003

Todos têm o mesmo sol,
a água, a luz, a beleza,
os frutos da natureza,
a aurora, o arrebol,
os cantos do rouxinol,
a brisa da ventania,
a chuva, o mar, a baía,
a cascata, o afluente,.....
O mundo é pra toda gente,
mas alguém privilegia.

Uma questão de conceito,
se o rico está além,
o pobre possui também
seu conjunto de direito,
merece todo respeito,
na arte e sabedoria,
na paixão, na alegria,
assim não é diferente.
O mundo é pra toda gente,
mas alguém privilegia.

Se perante a lei divina
todos os seres são iguais,
nas relações sociais
existe uma disciplina;
a riqueza predomina
pelo menos na quantia,
por outro lado desvia
do principal contingente.
O mundo é pra toda gente,
mas alguém privilegia.

O sistema é violento
para o ser humano pobre,
mas o rico que é nobre
domina todo momento,
mais de oitenta por cento
está numa minoria,
enquanto que a maioria
vive miseravelmente.
O mundo é pra toda gente,
mas alguém privilegia.

Desde o início do mundo
que existe a divergência,
continua a prepotência
pra quem tem dinheiro em fundo;
o recurso é oriundo
da lei da sabedoria,
que somente prestigia
aqueles que estão na frente.
O mundo é pra toda gente,
mas alguém privilegia.

Por mais que o trabalhador
procure ganhar espaço,
encontra mais embaraço,
perante o empregador,
fica preso sem transpor
as barreiras da magia,
suportando grosseria,
por ser subserviente.
O mundo é pra toda gente,
mas alguém privilegia.

Muita gente está lutando,
para ter algum emprego,
todo concurso é carrego,
a concorrência é matando,
fica tempo procurando,
numa maior correria,
quando acha é ninharia,
fica triste novamente.
O mundo é pra toda gente,
mas alguém privilegia.

Cada um que vá em frente
procurando uma saída,
pra melhorar sua vida,
sem ficar perdidamente,
trabalhe, plante a semente,
colha o fruto todo dia,
se existe dicotomia,
o homem fez consciente.
O mundo é pra toda gente,
mas alguém privilegia.

O maior sonho do pobre
é ter a vida melhor;
da força do seu suor,
saber que o salário cobre
os gastos da vida nobre.
Ter saúde e harmonia,
paz, amor e alegria,
vivendo dignamente.
O mundo é pra toda gente,
mas alguém privilegia.

Que o rico não humilhe
o pobre trabalhador,
que procure dá valor,
corresponda e compartilhe,
permita que o pobre brilhe,
com coragem e energia,
deixando a categoria
trabalhar sempre contente.
O mundo é pra toda gente,
mas alguém privilegia.

O trabalho é necessário
do pobre trabalhador,
presente em todo setor,
cumprindo com seu horário,
que receba um bom salário,
para a sua garantia,
que não seja mixaria,
no mínimo o suficiente.
O mundo é pra toda gente,
mas alguém privilegia.

O mundo não tem porteira,
do mundo nada se leva,
tudo o quanto se releva
tem a forma verdadeira;
nossa vida é passageira,
tem tristeza e alegria,
sofrimento e regalia,
o homem está consciente.
O mundo é pra toda gente,
mas alguém privilegia.

Cada um tem um espaço
pra viver e produzir,
caminhar e progredir
mesmo enfrentando embaraço,
ninguém deve ter fracasso,
mas vencer com galhardia,
usando a sabedoria,
de uma forma inteligente.
O mundo é pra toda gente,
mas alguém privilegia.

Há muita oportunidade
para o homem que se lança
ao trabalho, com pujança,
basta ter habilidade,
superar dificuldade
com garra e com energia,
trabalhar em harmonia,
de maneira coerente.
O mundo é pra toda gente,
mas alguém privilegia.

O mundo parece ter
duas classes sociais,
a rica que tem demais
e a pobre pensa em crescer;
o rico quando comer
serpente, é sabedoria,
se for pobre, é grosseria,
uma atitude imprudente.
O mundo é pra toda gente,
mas alguém privilegia.

A desejada igualdade
é difícil de existir,
tratar e constituir
em nossa sociedade;
cada um tem liberdade
de procurar melhoria,
mas a pretensão varia
de forma surpreendente.
O mundo é pra toda gente,
mas alguém privilegia.

Os sonhos dos que dormirem
num colchão de penas são
iguais aos que no chão
imagens nos sonhos virem.
Se todos homens curtirem
as cores da fantasia,
é tudo filosofia,
se um sente, o outro sente.
O mundo é pra toda gente,
mas alguém privilegia.
Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do Autor Seguidores: 68Exibido 688 vezesFale com o autor