Usina de Letras
Usina de Letras
                    
Usina de Letras
104 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 57368 )
Cartas ( 21181)
Contos (12598)
Cordel (10136)
Crônicas (22252)
Discursos (3139)
Ensaios - (9064)
Erótico (13414)
Frases (44122)
Humor (18580)
Infantil (3845)
Infanto Juvenil (2800)
Letras de Música (5476)
Peça de Teatro (1320)
Poesias (138537)
Redação (2942)
Roteiro de Filme ou Novela (1055)
Teses / Monologos (2408)
Textos Jurídicos (1926)
Textos Religiosos/Sermões (4943)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Artigos-->Dias Tumultuados de Enturmação -- 09/09/2009 - 21:49 (Marcelo de Oliveira Souza,IWA Instagram:marceloescritor) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
Dias Tumultuados de Enturmação







Na luta pela sobrevivência, os dias estão cada vez mais tumultuados, principalmente nas cidades grandes, onde a perda de direitos faz com que o cidadão de bem reivindique sempre, contudo com essa classe de políticos dominante, tudo que nós esperamos é a diminuição e até a perda de tudo que adquirimos durante décadas.

Dentro desse aspecto o governo estadual preparou um montão de surpresas, principalmente a herança maldita do governo passado, a chamada “enturmação”, onde as classes com turmas diminutas, no mesmo turno, serão aglutinadas com outras para terem a quantidade desejada por quem não leciona, pois encima do pedestal administrativo, no mundo das teorias e dos números é muito fácil gerenciar, “organizar” ao seu bel prazer.

Assim foi idealizada a enturmação, onde o mesmo designativo foi aplicado com fidelidade: a enturmação dos bandidos, onde juntaram-se e criaram um grupo denominando-o de “liga da paz”, cujo marginais agora lutam contra um “inimigo” comum: a lei e a órdem.

Muitos se perguntam o que a enturmação tem a ver com isso tudo, ela tem tudo a ver, pois as pessoas que têm os seus direitos de cidadão cerceados seguidas vezes, às vezes podem sair de seu juízo perfeito e lutar contra uma sociedade que o discriminou seguidas vezes, tornando-o um animal raivozo, agredindo assim, a sociedade.

Essa turma um dia foi discirminada, rechaçada e hoje agride a sociedade e os seus governantes, levando dias tumultuados para um povo que tem um governo eleito democraticamente, mas utiliza atos com ares ditatoriais.



Marcelo de Oliveira Souza



Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do Autor Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui