Usina de Letras
Usina de Letras
                    
Usina de Letras
254 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 57924 )
Cartas ( 21204)
Contos (12783)
Cordel (10233)
Crônicas (22048)
Discursos (3145)
Ensaios - (9188)
Erótico (13447)
Frases (45006)
Humor (18866)
Infantil (4083)
Infanto Juvenil (3105)
Letras de Música (5496)
Peça de Teatro (1328)
Poesias (138507)
Redação (2982)
Roteiro de Filme ou Novela (1056)
Teses / Monologos (2415)
Textos Jurídicos (1932)
Textos Religiosos/Sermões (5174)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Cordel-->LUÍS CAMPOS NÃO É CEGO ! -- 25/04/2003 - 10:44 (José de Sousa Dantas) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
LUÍS CAMPOS NÃO É CEGO !
José de Sousa Dantas e Daudeth Bandeira, em 25/04/2003

O pior CEGO é aquele
que não busca e não quer ver,
não estuda, não calcula,
não procura conhecer,
não trabalha, não ajuda,...
e nem faz por merecer.

O CEGO pode saber,
pelo cheiro, pela essência,
pelo tato, pela fala,
pela voz, pela ciência,
pelo tempo, pelo clima,
pela própria experiência.

Todo CEGO tem vidência
e a luz da sabedoria,
movimenta e se defende
de alguns tropeços na via,
ao lado de um amigo,
da namorada ou dum guia.

Numa varinha confia,
tem alta percepção,
passeia, conhece o mundo,
visita toda estação,
o CEGO tem luz na mente,
para ampliar a visão.

Todo CEGO tem noção
sobre as coisas naturais,
a política, a economia,
os problemas sociais,
o amor, a convivência,
o poder, a guerra, a paz,.....

Tem idéias geniais,
lê, escuta, mostra, ensina,
dá ajuda, desenvolve,
segue a sua disciplina,
sonha, trabalha e produz,
revela, avança e opina.

Vai cumprindo a sua sina,
do mundo não se isola,
peleja, evolui na vida,
realiza e se controla;
todo CEGO é magistral
no braço de uma VIOLA.

O CEGO freqüenta escola,
estuda, aprende a lição,
toca, canta, brinca, dança,
despertando a atenção,
ri, conversa, come e bebe,
aproveita a diversão.

Gosta de ouvir canção,
é esperto e prevenido,
conta prosa, faz POESIA,
se torna mais conhecido,
todo CEGO é engraçado,
teimoso, bravo e sabido.

Todo CEGO é divertido,
diz que gosta de mulher,
namora, conta piada,
vai cumprindo o seu mister;
CEGO é um ser normalíssimo,
na vida faz o que quer.

Por isso é que LUÍS quer
fazer parte da USINA,
enviou o seu recado,
faz seu poema e assina,
é ouro da sua verve,
garimpado em sua mina.

Com a inspiração divina,
demonstrando em POESIA
os assuntos preferidos,
no jogo do dia a dia,
nesse mundo da cultura,
pensa, toca, canta e cria.

É um filho da BAHIA,
lugar que tem muito artista,
preservando as tradições,
mostrando os pontos de vista,
participa com os poetas
e alcança grande conquista.

Com seu toque de humorista,
procura desenvolver
o seu verso deslumbrante,
que faz gosto a gente ler,
comentar e possuir,
divulgar e promover.

LUÍS CAMPOS vai fazer
um trabalho interessante,
abrilhantando a USINA,
mostrando o verso cantante,
engrandecendo a cultura,
que é muito gratificante !

Seu trabalho é importante,
perfeito e conveniente,
oportuno, encantador,
primoroso e excelente,
poético, extraordinário,
distinto e surpreendente.
Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do Autor Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui