Usina de Letras
Usina de Letras
                    
Usina de Letras
234 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 58117 )
Cartas ( 21211)
Contos (12849)
Cordel (10239)
Crônicas (22074)
Discursos (3147)
Ensaios - (9222)
Erótico (13451)
Frases (45258)
Humor (18931)
Infantil (4146)
Infanto Juvenil (3227)
Letras de Música (5505)
Peça de Teatro (1328)
Poesias (138693)
Redação (2995)
Roteiro de Filme ou Novela (1057)
Teses / Monologos (2417)
Textos Jurídicos (1934)
Textos Religiosos/Sermões (5245)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Poesias-->Sementes -- 19/10/2002 - 19:04 (Marcelo de Oliveira Souza,IWA Instagram:marceloescritor) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
Dois corpos distantes

resolveram finalmente se encontrar

Onde jamais pensaria

o amor penetrar.



Entre dúvidas e incertezas

Vai se plantando a semente do amor

Mas até agora não sabe-se se esta semente

Irá unir os corpos em definitivo.



Finalmente parece estar vindo

Um grande e sincero amor

Ao invés de milhares de discórdias

Intransponíveis neste caminho obscuro.





mmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmm



Marcelo de Oliveira souza

03/05/1989
Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do Autor Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui