Usina de Letras
Usina de Letras
78 usuários online

Autor Titulo Nos textos

 

Artigos ( 62145 )

Cartas ( 21334)

Contos (13260)

Cordel (10448)

Cronicas (22529)

Discursos (3238)

Ensaios - (10339)

Erótico (13566)

Frases (50551)

Humor (20021)

Infantil (5418)

Infanto Juvenil (4750)

Letras de Música (5465)

Peça de Teatro (1376)

Poesias (140784)

Redação (3301)

Roteiro de Filme ou Novela (1062)

Teses / Monologos (2435)

Textos Jurídicos (1958)

Textos Religiosos/Sermões (6175)

LEGENDAS

( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )

( ! )- Texto com Comentários

 

Nota Legal

Fale Conosco

 



Aguarde carregando ...
Poesias-->Corações -- 16/10/2002 - 00:31 (Alexandre Buono) Siga o Autor Destaque este autor Envie Outros Textos
Tenho dois corações, sempre.

Não tenho apenas um.

Não este egoísta que por não ter

razão, somente sente,

Triste, chora, infeliz.



Sempre tenho dois corações.

Não, tenho apenas um.

Não aquele. Mas o de agora,

sem sentir, não chora mais

Frio, calado, indiferente.



Dois corações, apenas.

Sempre tenho um.

Que no encontro de outro tem,

batidas mais fortes,

que me fazem um quase sufocar.



Apenas não tenho, um coração.

Tenho um outro não-meu que

me pertence por doação.

Sempre dois corações,

aguardo apenas o acaso.

É tudo que tenho.

Comentarios
O que você achou deste texto?     Nome:     Mail:    
Comente: 
Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui