Usina de Letras
Usina de Letras
78 usuários online

Autor Titulo Nos textos

 

Artigos ( 62145 )

Cartas ( 21334)

Contos (13260)

Cordel (10448)

Cronicas (22529)

Discursos (3238)

Ensaios - (10339)

Erótico (13566)

Frases (50551)

Humor (20021)

Infantil (5418)

Infanto Juvenil (4750)

Letras de Música (5465)

Peça de Teatro (1376)

Poesias (140784)

Redação (3301)

Roteiro de Filme ou Novela (1062)

Teses / Monologos (2435)

Textos Jurídicos (1958)

Textos Religiosos/Sermões (6175)

LEGENDAS

( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )

( ! )- Texto com Comentários

 

Nota Legal

Fale Conosco

 



Aguarde carregando ...
Poesias-->HOJE -- 01/10/2002 - 08:40 (Alexandre Buono) Siga o Autor Destaque este autor Envie Outros Textos
Nasci novamente.

Não sou mais aquela pessoa de ontem,

de antes de ontem e nem de antes ainda mais distante.

Estou cada vez mais longe de quem fui.

Cada dia mais próximo de ser.



Carrego mais e mais o meu passado.

Dele não tenho mais nada.

Apenas todos os códigos genéticos.

Recombinados no ser que nasce hoje.



E nesta breve reconstrução do começo,

encerra-se ao crepúsculo de hoje esta nova vida.

Tão morta quanto o ontem.

Mais presente ainda na vida que inicia

no próximo amanhã-futuro.
Comentarios
O que você achou deste texto?     Nome:     Mail:    
Comente: 
Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui