Usina de Letras
Usina de Letras
                    
Usina de Letras
108 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 57362 )
Cartas ( 21181)
Contos (12599)
Cordel (10135)
Crônicas (22251)
Discursos (3139)
Ensaios - (9063)
Erótico (13414)
Frases (44116)
Humor (18580)
Infantil (3845)
Infanto Juvenil (2798)
Letras de Música (5476)
Peça de Teatro (1320)
Poesias (138534)
Redação (2942)
Roteiro de Filme ou Novela (1055)
Teses / Monologos (2408)
Textos Jurídicos (1926)
Textos Religiosos/Sermões (4942)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Artigos-->Visitando Fortaleza -- 16/01/2009 - 21:09 (Marcelo de Oliveira Souza,IWA Instagram:marceloescritor) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
Visitando Fortaleza



Ao chegar à cidade vemos uma estação rodoviária bastante acanhada para uma capital, mesmo que seja aqui no nordeste.

A sua orla marítima é majestosa, bastante movimentada durante o dia e principalmente no final da tarde quando o sol vai iluminar outras pairagens, sai turista de tudo quanto é hotel, uma verdadeira convenção à beira mar.

As pessoas são alertadas sempre para tomarem cuidado com os marginais que ficam esperando um mínimo de desatenção para atuar; percebemos que apesar do breu da baixa luminosidade que domina a cidade, as partes centrais estão sempre servidas de policiais em seus carros importados, equipado com um sistema de vigilância moderníssimo.

O que mais chama atenção dos turistas que infestam a cidade é o descaso que os prestadores de serviços tratam os visitantes, pois é só ter um sotaque diferente que eles dão um jeitinho de tirar mais um pouquinho, sempre inventem novas taxas; os pacotes turísticos são apresentados com um preço e no meio do caminho inventam outra taxa, quem quer conhecer sempre cede e o que podemos fazer é refrescar a cabeça nas águas salgadas do paraíso tropical.

Quem desejar visitar o parque aquático da região tem que desembolsar noventa reais, um preço mais salgado que as águas da região.

Quase todas as praias estão poluídas, uma das poucas que se salva é a Praia do Futuro, famosa por aglutinar turistas, temos que ter cuidado porque junto com eles sempre vêm os “lanceiros” , junto a essa praia tem a “Praia do Passado”, uma região perigosa onde os policiais prontamente avisam que ali é área de bandido, para os turistas não se aventurarem a ultrapassar, porque é arriscado não voltar com os pertences.

Uma cidade que tem belas praias e uma forte tendência ao turismo, como todos nós percebemos, o tem que dar uma maior atenção ao setor e os cearenses que vivem desses serviços têm que se conscientizar que os seus maus serviços ou desserviços só fazem afugentar o que tanto eles lutaram para conseguir.





Marcelo de Oliveira Souza





Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do Autor Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui