Usina de Letras
Usina de Letras
                    
Usina de Letras
189 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 58715 )
Cartas ( 21228)
Contos (12992)
Cordel (10259)
Crônicas (22156)
Discursos (3160)
Ensaios - (9339)
Erótico (13468)
Frases (45913)
Humor (19098)
Infantil (4327)
Infanto Juvenil (3505)
Letras de Música (5466)
Peça de Teatro (1333)
Poesias (137828)
Redação (3035)
Roteiro de Filme ou Novela (1059)
Teses / Monologos (2425)
Textos Jurídicos (1942)
Textos Religiosos/Sermões (5404)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Artigos-->TJN - 007 - Mais umas centenas com reformas chorudas -- 21/05/2007 - 14:44 (TERTÚLIA JN) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
. Como pode a Segurança Social aguentar com tantas reformas de milhões?

Continuamos a ver os políticos deixarem os seus “tachos”, contra o recebimento de chorudas indemnizações e reformas.

Como é possível que assim seja? Será que não há vergonha na cara, para influenciarem as suas vidas, positivamente e as vidas do Povo, negativamente?

Como é possível, tendo Portugal uma Constituição que prevê a igualdade direitos, que os srs defensores da Constituição, e dos direitos iguais, deixem andar o País desta forma?

Portugal não precisa deste tipo de políticos. Portugal precisa de políticos que defenda o Povo, e que sejam parte integrante desse mesmo Povo. Com os mesmos direitos e obrigações.

Quem vai para a politica só para se auto promover e garantir o seu futuro, não presta para servir o Povo.

Só vai para politico quem quer (ou não sabe fazer mais nada) por isso, quem deve impor as regras é o Povo que lhes paga. Quem não quiser assim que desempenhe as suas funções nas empresas privadas, e vão ver o que é a vida.

Não precisamos dos políticos. Eles é que precisam de nós.
Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do Autor Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui