Usina de Letras
Usina de Letras
                    
Usina de Letras
222 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 58162 )
Cartas ( 21211)
Contos (12859)
Cordel (10239)
Crônicas (22095)
Discursos (3147)
Ensaios - (9230)
Erótico (13453)
Frases (45309)
Humor (18940)
Infantil (4163)
Infanto Juvenil (3236)
Letras de Música (5506)
Peça de Teatro (1328)
Poesias (138722)
Redação (2997)
Roteiro de Filme ou Novela (1058)
Teses / Monologos (2418)
Textos Jurídicos (1934)
Textos Religiosos/Sermões (5254)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Artigos-->SAÚDE – DENGUE: VISTORIE SEU CONDICIONADOR DE AR -- 10/05/2007 - 12:56 (Orlando Batista dos Santos) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
SAÚDE – DENGUE: VISTORIE SEU CONDICIONADOR DE AR

Achei por bem incluir este alerta no rol dos meus textos, leitores e leitoras, por acreditar que esta seja uma contribuição de utilidade pública, tendo em vista a expansão dos casos de dengue por todo o Brasil, sendo que em várias localidades já está caracterizada a epidemia, e todo o esforço é útil, no sentido de neutralizar ou minimizar o avanço desse mal.

Além dos tradicionais locais que servem de criadouros do Aedes aegypti, o mosquito da dengue, existem outros que nem sempre são levados em conta, e em locais muitas vezes acima de qualquer suspeita. Ao perceber a presença do mosquito Aedes aegypti em minha sala de trabalho, fiquei preocupado, pois há semanas não chovia e a empresa fica afastada da área urbana, e era de se esperar uma diminuição da proliferação do mosquito, pela ausência de “água limpa e parada”. Então, por que a presença continuada do Aedes em minha sala? Foi preciso parar e pensar: se o mosquito gosta de água limpa e parada e, não tendo a empresa os cenários típicos urbanos ou domésticos que tradicionalmente favorecem a proliferação dos mosquitos, então será preciso identificar esses lugares num raio aproximado de cem metros, distância em que um mosquito consegue normalmente se movimentar.

Certo de que as pias destampadas (e pouco utilizadas) são também criadouros, já que dispõe do sifão ou outros dispositivos embutidos que retém água, providenciei tampões de borracha para impedir a entrada do mosquito quando a pia não estiver em uso e aproveitei para colocar tampões também nos ralos do laboratório e julguei ter resolvido o problema, embora os tais mosquitos continuassem a aparecer. Foi então que tive a idéia de verificar os condicionadores de ar do prédio e, para minha surpresa, constatei grande acúmulo de água na base da quase totalidade dos aparelhos!

Ao que parece, os condicionadores de ar que são usados com menos freqüência são os que oferecem condições mais propícias para o desenvolvimento do Aedes aegypti; em virtude do uso esporádico, mantém água estagnada por mais tempo, podendo a água permanecer na base ou bandeja ao fundo do aparelho por várias semanas. A água da chuva também se acumula nos aparelhos, o que exige atenção, mesmo que não estejam em funcionamento. Alguns aparelhos mais modernos não apresentam problema de estagnação da água. A manutenção do sistema de drenagem, incluindo a perfuração da base do equipamento que está retendo água condensada no aparelho é a melhor maneira de eliminar mais este possível criadouro do mosquito da dengue.

ATENÇÃO: Para mais informações sobre a dengue, acesse o site www.combateadengue.com.br.

============================

COMENTÁRIOS DOS LEITORES



*Batista;

Você fez uma grande descoberta. Sugiro que divulgue o assunto do mosquito da dengue encontrado nos reservatórios de ar condicionado, também na seção de frases, elas são muito lidas.

A sugestão tem o objetivo de alcançar maior número de leitores e assim, mais guerreiros contra o mosquito.

Parabéns pelo texto e pela descoberta.

Adalberto - Montes Claros MG



RESPOSTA

Olá, Adalberto; agradeço por suas palavras e sugestões. Várias entidades têm se manifestado atestando como válida a argumentação do texto, tendo inclusive sido inserido no site www.combateadengue.com.br. Creio que muitas secretarias de saúde já estão levando em conta a informação.



============================

VISITE MEUS BLOGS:

http://culturacaipira.uniblog.com.br

http://orlandobatista.uniblog.com.br

============================



Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do Autor Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui