Usina de Letras
Usina de Letras
25 usuários online

Autor Titulo Nos textos

 

Artigos ( 61962 )

Cartas ( 21333)

Contos (13252)

Cordel (10444)

Cronicas (22531)

Discursos (3236)

Ensaios - (10264)

Erótico (13560)

Frases (50379)

Humor (19998)

Infantil (5391)

Infanto Juvenil (4725)

Letras de Música (5465)

Peça de Teatro (1375)

Poesias (140716)

Redação (3290)

Roteiro de Filme ou Novela (1062)

Teses / Monologos (2435)

Textos Jurídicos (1956)

Textos Religiosos/Sermões (6141)

LEGENDAS

( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )

( ! )- Texto com Comentários

 

Nota Legal

Fale Conosco

 



Aguarde carregando ...
Artigos-->Solidão -- 13/12/2006 - 09:52 (anderson jose de aguilar) Siga o Autor Destaque este autor Envie Outros Textos
Solidão



Estado de espírito. Sentimento,

emoção, teia invisível e silenciosa.

Legado maldito deixado ao homem.

Pesadelo, castigo e desgraça.



Raios do sol e os raios da lua.

A brisa suave, o canto das aves.

Pingos de chuva, o Bem-te-vi.

O balé do beija-flor. A coruja.



Não. Não pode senti-los.

Está só. É sua sina.

Desperte do sonho que não é.

Ande nas matas como o índio.



Seu sorriso é sua dor.

Sua alegria, sua amargura.

Suas lágrimas o seu sangue.

Seus amores, culpa e medo.





14.08.03 Anderson Aguilar

Comentarios
O que você achou deste texto?     Nome:     Mail:    
Comente: 
Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui