Usina de Letras
                                                                         
Usina de Letras
47 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 

Artigos ( 59106 )

Cartas ( 21236)

Contos (13107)

Cordel (10292)

Crônicas (22195)

Discursos (3164)

Ensaios - (9434)

Erótico (13481)

Frases (46493)

Humor (19273)

Infantil (4456)

Infanto Juvenil (3718)

Letras de Música (5478)

Peça de Teatro (1337)

Poesias (138218)

Redação (3051)

Roteiro de Filme ou Novela (1060)

Teses / Monologos (2427)

Textos Jurídicos (1945)

Textos Religiosos/Sermões (5518)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Infanto_Juvenil-->É Bom Saber de Tudo Um Pouco -- 02/03/2002 - 21:58 (Domingos Oliveira Medeiros) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
. Livro I - Felicidade dos Justos e Desgraça dos Ímpios

“Ditoso o homem que não se deixa levar pelo conselho dos ímpios.Nem envereda pelo caminho dos pecadores, ou toma assento na companhia dos soberbos; mas se compraz na lei do Senhor, e a medita dia e noite.É como a árvore plantada à beira das águas correntes que, em tempo próprio, dá o se fruto, cujas folhas não murcham.Tudo que ele fizer, há de medrar”.

Do Livro dos Salmos (ou Saltério) –
Coleção de poemas sagrados compostos por vários autores inspirados, dos quais o mais importante e conhecido é o rei Davi, de onde ser comum o falar-se em Saltério Davídico para indicar toda a coleção. São 150 salmos agrupados em cinco livros. Neles, são tratados assuntos os mais diversos. Alguns para uso litúrgico no Templo, outros para uso pessoal, outros para serem cantados por grupos. As misérias da vida humana oferecem aos Salmos o assunto mais comum. A dor, a enfermidade, a velhice....neste aspecto são os Salmos verdadeiras orações em que se implora o auxílio divino e quase sempre se manifesta também o agradecimento ou se prometem ações de graças futuras. Bíblia Sagrada – Edição Ecumênica – Tradução do Padre Antônio Pereira de Figueiredo.

Para meditar. Adaptação. 02-03-2002
Domingos Oliveira Medeiros


Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui