Usina de Letras
                                                                         
Usina de Letras
46 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 

Artigos ( 59138 )

Cartas ( 21236)

Contos (13105)

Cordel (10292)

Crônicas (22196)

Discursos (3164)

Ensaios - (9439)

Erótico (13481)

Frases (46521)

Humor (19282)

Infantil (4461)

Infanto Juvenil (3729)

Letras de Música (5479)

Peça de Teatro (1337)

Poesias (138241)

Redação (3054)

Roteiro de Filme ou Novela (1060)

Teses / Monologos (2427)

Textos Jurídicos (1945)

Textos Religiosos/Sermões (5526)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Textos_Religiosos-->mensagem de natal -- 03/12/2013 - 17:01 (Manuel Joaquim Guerra) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
. MENSAGEM DE NATAL
Mais um vinte cinco de Dezembro, data consagradas ao nascimento
Do menino JESUS o rei dos reis ao medico dos médicos arquiteto do
Universo instrutor dos doutores da lei, em fim o príncipe da perfeição,
Que veio a terra para corrigir os erros sanar os defeitos e aperfeiçoar a
Humanidade carregando os pecados do mundo;
Trazendo do astral divino a paz que distribuiu entre os homens ao se
Despedir de seu Discípulo, harmoniosamente falou, eu vos dou a minha
Paz eu vos deixo a minha paz;
Então vamos meditar nas palavras do grande mestre, e cultivar a paz
Que de graça nos foi doada, que maravilha seria o mundo se a paz fosse
Implantada sem restrições entre a humanidade, vamos a aproveitar mais
Essa oportunidade espalhar mais um grão dessa semente sagrada bem na
Noite de seu nascimento, mostrando que sua passagem na terra não foi
Em vão, troque abraços carinhosos com seus irmãos familiares e amigos,
E aos que consideram desafetos dê lhe um aperto de mão com sinceridade,
Vamos ter a humildade de pedir perdão ou um gesto generoso de perdoar
Se for o caso, errar é humano perdoar e divino reconhecer o erro é virtude:
O meu perdão generoso para alguém que me pudesse ter ofendido, e eu
Peço com toda a humildade perdão se acaso ofendi alguém mesmo
Que ingenuamente.
O meu abraço com muito carinho aos meus familiares amigos presentes
E aos ausentes que a distancia nos separa, um abraço de carinho e saudoso
Embora longe dos olhos mas dentro do coração;
Salve a noite sagrada do Natal a data sagrada da paz universal e transformação
Do mundo graças ao pai supremo que nos enviou seu filho glorioso entregando-se
Ao Sofrimento para perdão de nossos pecados.

Praia Grande, 25 de Dezembro de 2013
Manuel Joaquim Guerra



Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui