Usina de Letras
                                                                         
Usina de Letras
63 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 

Artigos ( 59106 )

Cartas ( 21236)

Contos (13107)

Cordel (10292)

Crônicas (22195)

Discursos (3164)

Ensaios - (9435)

Erótico (13481)

Frases (46493)

Humor (19273)

Infantil (4456)

Infanto Juvenil (3718)

Letras de Música (5478)

Peça de Teatro (1337)

Poesias (138218)

Redação (3051)

Roteiro de Filme ou Novela (1060)

Teses / Monologos (2427)

Textos Jurídicos (1945)

Textos Religiosos/Sermões (5518)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Frases-->TAPANDO BURACOS -- 11/01/2006 - 19:08 (Domingos Oliveira Medeiros) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
.

O BURACO É MAIS EMBAIXO
(Por Domingos Oliveira Medeiros)

Este governo bateu o recorde no que se refere à improvisação de ações dissociadas do bom senso e da lógica ditados pelas funções de administração e gerência. A começar pelo país, que, há tempos, vem sendo colocado de pernas para o ar, por falta de planejamento e honestidade de propósitos. Sem pretender valer-se de trocadilhos maldosos, há dúvidas até em relação ao fato de que Lula teria mudado da água para o vinho, ou vice-versa. Indagmos por que, somente agora, próximo às eleições, o presidente resolveu por o pé-na-estrada e fazer o que, aliás, vem fazendo durante toda a sua desastrosa gestão: tapar-buracos; de toda ordem e de todos os tamanhos. No caso em questão, Lula agrega mais um furo à sua extensa tábua de pirulitos, ao tentar tapar o sol com a peneira, melhor dizendo, tapar a chuva com a peneira. Não faz sentido a realização de serviços de engenharia, sabidamente de caráter provisório, em pleno mês das chuvas. É evidente os objetivos eleitoreiros da apressada medida. Bastante atentar para a presença de políticos e até do ministro dos Transportes na inusitada operação tapa-buracos. Desse jeito, o Brasil acabará, literalmente, indo para o buraco. Resta-nos, nas próximas eleições, mostrar ao nosso mandatário maior que o buraco, na verdade, é mais embaixo.

Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui