Usina de Letras
Usina de Letras
9 usuários online

Autor Titulo Nos textos

 

Artigos ( 62153 )

Cartas ( 21334)

Contos (13260)

Cordel (10448)

Cronicas (22529)

Discursos (3238)

Ensaios - (10339)

Erótico (13567)

Frases (50555)

Humor (20023)

Infantil (5418)

Infanto Juvenil (4750)

Letras de Música (5465)

Peça de Teatro (1376)

Poesias (140788)

Redação (3301)

Roteiro de Filme ou Novela (1062)

Teses / Monologos (2435)

Textos Jurídicos (1958)

Textos Religiosos/Sermões (6177)

LEGENDAS

( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )

( ! )- Texto com Comentários

 

Nota Legal

Fale Conosco

 



Aguarde carregando ...
Poesias-->POESIA E VISTA PARA O MAR -- 20/01/2002 - 23:11 (Anita de Souza Coutinho) Siga o Autor Destaque este autor Envie Outros Textos
POESIA E VISTA PARA O MAR



Então, não,

não vou continuar

tinha que dizer

que espero minha vez

de chover em paz

relaxar

no banho quente,

de gato.;

banho de chuveiro

morno

dançando um tango

lânguido

sem ciúmes

nem fenda na saia.



Tinha que dizer

Que só tenho a oferecer

Poesia e vista para o mar.;

Sem pretensão de tocar a linha

De horizonte

Tão a nossa frente.



Mas tinha que dizer

O horizonte não está lá

Nem eu.



Vou estar longe

Além mar,

em oposição

Imprimindo o que é real

Sendo toda interpretação



Em especial

Vou estar além

Ouvindo um blues cínico

Que tem sempre mais a oferecer

Do que o que eu tinha a dizer.





Vê,

deixa o blues tocar

Não posso continuar,

Só tenho para você

Poesia e vista para o mar.

Comentarios
O que você achou deste texto?     Nome:     Mail:    
Comente: 
Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui