Usina de Letras
Usina de Letras
                    
Usina de Letras
6 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 57504 )
Cartas ( 21184)
Contos (12607)
Cordel (10177)
Crônicas (22282)
Discursos (3141)
Ensaios - (9088)
Erótico (13416)
Frases (44276)
Humor (18618)
Infantil (3903)
Infanto Juvenil (2848)
Letras de Música (5479)
Peça de Teatro (1320)
Poesias (138230)
Redação (2946)
Roteiro de Filme ou Novela (1056)
Teses / Monologos (2411)
Textos Jurídicos (1926)
Textos Religiosos/Sermões (4981)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Crônicas-->O tarado de conveniência - O KOKOTÃO -- 06/02/2020 - 15:58 (Padre Bidião) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos

O tarado de conveniência - o KOKOTÃO 

No dia a dia da conveniência inconveniente ao horário e local, rola um papo na lapada transeunte voluntária num voluntariado "sem segundas intenções". Mas as quartas e quintas já estão no gatilho sob os olhos da tecnologia, onde o patrão está nas câmeras acompanhando o funcionamento da empresa que precisa gerir na altura da responsabilidade do empreendimento. O inquilino de ouvido é representante comercial de uma empresa de *sucos*, famoso na praça pelo mundo tecnológico, pois somos vigiados aos olhos das câmeras nos tetos e postes. A pobre jovem, abriu a boca e a baba desceu no papo dez. Parou o atendimento e emprestou os ouvidos ao vendedor de suco no papo dez, dele. Rodevale, o KOKOTÃO das empresas de sucos que não faz vale, só vale no salário da contínua jovem, encheu-a de suco de macaíba na ideia dela. No futuro, a corda por ser mais fraca, será arrebentada na inocência em pensar ser feita de várias tranças no trançar das armadilhas. Tudo é conveniente quando a alma é pequena ou vantagem deseja ter numa corda pequena que não se dá conta do perigo da cobra disfarçada de corda.
O amém no papo leva lapada por pensar que não deva pular da cobra disfarçada de corda.


Marcos Palmeira

Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do Autor Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui