Usina de Letras
Usina de Letras
                    
Usina de Letras
123 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 57757 )
Cartas ( 21192)
Contos (12694)
Cordel (10206)
Crônicas (22323)
Discursos (3143)
Ensaios - (9126)
Erótico (13426)
Frases (44548)
Humor (18704)
Infantil (3971)
Infanto Juvenil (2910)
Letras de Música (5481)
Peça de Teatro (1321)
Poesias (138405)
Redação (2955)
Roteiro de Filme ou Novela (1056)
Teses / Monologos (2413)
Textos Jurídicos (1930)
Textos Religiosos/Sermões (5038)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Crônicas-->REFLEXÃO SOBRE MARCOS 10, V 14 -16 -- 17/07/2019 - 23:28 (Dalva da Trindade S. Oliveira (Dalva Trindade)) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
  REFLEXÃO SOBRE MARCOS 10, V 14 -16

   "Jesus ficou zangado e disse: Deixem as crianças vir a mim. Não lhes proíbam, porque o Reino de Deus pertence a elas. Eu garanto a vocês: quem não receber como criança o Reino de Deus nunca entrará nele. E Jesus abraçou e abençoou as crianças."

Em uma comemoração dos Dias das Mães, na Missa muitas estavam acompanhadas de várias crianças. Algumas menores andavam pela igreja , próximas ao altar, ou ao redor dos bancos, mais perto dos pais.

Durante a Homilia do Evangelho o celebrante falou que "ainda não tinham um espaço para as crianças brincarem e onde elas pudessem ficar mais livres; assim, nem ele nem os pais teriam o direito de pedir que elas ficassem quietas nos seus lugares."
Pensei, no momento: cada diretor espiritual tem uma visão sobre a mesma questão.

Nas palestras e homilias transmitidas pela Rede Canção Nova ouvi, várias vezes, os religiosos falarem que as crianças devem ser levadas à igrejaa e que elas devem se sentir bem recebidas ali, à vontade, sem ouvirem reclamações, pois elas começam a perceber que são bem acolhidas naquele local e desejam voltar.

Em Apocalipse 2, V. 22-23 "o anjo mostrou que a cidade de Jerusalém, descendo do céu, tinha porta em todas as direções para abrigar a quem viesse de todas os lugares. Não havia templo, pois o senhor é o Templo."

Quando Jesus acolhe as crianças dizendo que é delas o Reino dos Céus e que este Reino deve ser visto com o olhar infantil, em Apocalipse ele demonstra esta característica do seu Reino, sem um Templo construído,  com a liberdade de acesso às crianças ou a quem veja o seu Templo como as crianças: onde todos podem entrar e ver a grandeza de Deus, pois o Templo é o próprio Deus.

          Dalva da Trindade S. Oliveira
                    (Dalva Trindade)
                        10.05.2019
Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do Autor Seguidores: 3Exibido 38 vezesFale com o autor